sexta-feira, 23 de junho de 2017 • ANO XVII • N° 6.360

3 Comments

  1. 3

    Hialmar Hoch

    Boa esta lorota de modernizar e reformar a previdência; Sra Presidente sejamos honestos tudo o que os chamados investidores (que não passam de especuladores) querem é isto mesmo, a chamada reforma da previdência. Sra Dilma com o poder que eu e todos os eleitores lhe delegamos gostaríamos de sermos no mínimo tratados com respeito quanto a nosso futuro como aposentados. Não creio que seja de boa forma esta mal fada reforma uma vez que de nada vai adiantar. É sabido que pagamos muito caro por um serviço de péssima qualidade e agora vocês ainda querem piorar aquilo que já é ruim. Creio que a coisa mais urgente a ser feita é a reforma jurídica nesta Pais pois assim teríamos mais agilidade em pormos na cadeia os larápios que todos os dias desfalcam, roubam e adulteram pensões e afins, alem disto temos as famigeradas aposentadorias vergonhosas do ponto de vista moral mas legais pois são criadas LEIS e formulas de solapar os cofres da previdência, eu para poder aposentar-me tenho o maldito fator previdenciário ao passo que o pilantra que rouba nem preso fica, senhores vamos ter como meta acabar com o desvio e o roubo dos recursos e não a simples reforma que o chamado mercado quer. Quem paga por esta previdência nunca é consultado de forma correta, creio que seria de bom grado o Sr Ministro da previdência tomar uma atitude e junto ao ministro da justiça fazerem uma limpeza do entulho jurídico que impede de se retomar tudo aquilo que ja foi roubado da previdência e cobrar inclusive do maior caloteiro da previdência que é o próprio governo. Senhores vamos parar de acreditar que todos os Brasileiros são vacas de presépio. Vamos acabar com esta conversa de reformar aquilo que nunca vai ser reformado e sim entregue a meia dúzia de larápios a exemplo das privatizações feitas em governos anteriores, que com a desculpa de melhorar a vida do povo mas só melhoram a vida do povo especulador. Lembrem que nos idos de 1980 quem tinha deposito em caderneta de poupança foi chamado de poupador e o capital estrangeiro de capital especulativo? Logo quando o Sr Color foi empossado todos os poupadores passamos a ser especuladores, e logo em seguida a imprensa passou a chamar o capital estrangeiro de investidor externo. Agora querem fazer o mesmo com a previdência, querem pegar o pouco que sobrou. Eu como contribuinte digo que a previdência não deve sofrer reforma e sim uma completa auditoria uma limpeza geral nas suas contas para que se saiba quem a esta roubando e meter este larápios na cadeia mas não antes de retomar tudo e se possível deve ser em dobro, creio que seria melhor acabar com esta coisa esdrúxula de auxilio reclusão acima de um salário mínimo, alem dos famigerados vale gás, bolsa escola, etc.
    Creio que as autoridades deveriam antes de tudo acabar com a roubalheira, inclusive com as mordomias de Deputados e Senadores alem das pensões de todos os níveis dos órgãos do governo pois somos nos o povo que paga por isto e quando recebe alguma coisa é desculpa e esmola.
    Vamos acabar com as aposentadorias destes senhores que recebem salários astronômicos para fazerem quase nada.
    Esta é minha opinião, pois assim teremos não só previdência estruturada mas um governo estruturado e voltado para o interesse do Nação.
    Hialmar Hoch – nascido em 06/02/1956

  2. 2

    Joaquim Gomes

    “o grande sonho dos operadores do mundo das finanças é apoderar-se de todo o sistema previdenciário.”

    As minhas desculpas se por acaso me estou a intrometer, daqui de Portugal, sobre as vossas questões internas.

    Gostaria apenas de vos advertir: se o vosso Sistema de Segurança Social Funcionana, nos moldes em que está implantado, por favor, lutai pela sua manutenção. Porque “o grande sonho dos operadores do mundo das finanças é apoderar-se de todo o sistema previdenciário.”, e colocá-lo a render a seu favor.
    Lendo o artigo, fico feliz por o Brasil, nesse sector da providência Social, ainda não ser deficitário, como o é em vários paises da Europa e em especial em Portugal: aqui, com o pretexto de modernizar o Sistema deu-se cabo dele.
    É claro que se o vosso Sistema tem dinheiro a mais, deve ser investido, mas só no vosso País, para que se houver banca rota não fiqueis sem o vosso dinheiros, e investi em estruturas que rentabilizem o dinheiro que tem….
    Aqui, em Portugal, sob o (falso) pretexto, (visto hoje), de ajudar as famílias a ter casa foi publicado o Decreto- Lei n.º 27/2001, de 3 de Fevereiro, que autorizava os bancos, se não tivessem dinheiro para emprestar às familias, que compravam casa, autoriza-os a utilizar o dinheiro do (FEFSS) Fundo de Estabilização Financeira da Segurança Social, e ainda ganham juros com isso.
    Seria isto muito bom, se fossem todos sérios e o Sistema não desse para o (torto). Devido aos cortes salariais, nos quais eu já estou incuido, está alevar muitas familias a não conseguir pagar os empréstimos das casas e a entregá-las aos bancos… Insto leva à descapitalização dos bancos… Consequencia: o (FEFSS) será arruinado: arrastado pela queda dos bancos… Evitai isto no Brasil…
    Só que com a falência e a banca rota dos bancos será o (FEFSS) quem ficará sem o dinheiro: ou seja, os trabalhadores que durantes anos, descontaram para criar este fundo, estão em vistas de ficarem sem reformas (aposentadorias).
    O Sistema neo-liberal só serve para engordar o capital. Para que o trabalhador não seja “roubado” nas suas poupansas tem que haver um Governo, que Governe de VERDADE, que não se vire nem para a Direita, nem para a Esquerda: olhe só em frente. Para que sejam acautelados os interesses de todos com equidade e justica.
    Brasileiros? Vos peço! Não queirais seguir o mau exemplo dos países “evoluidos”, nós aqui em Portugal descontamos para a aposentadoria, mas num horizonte já muito próximo estamos a ver que não haverá aposentadorias para ninguém.
    Aqui, em Portugal, há dum ditado que diz: “Quem me avisa, meu amigo é!”….
    Saudações a todos.

  3. 1

    Francisco Kaveski

    A desoneração é praticavel sim.
    -Derrubar a selic para tendencia zéro.
    A idéia é congelar os juros de nossas dividas ao minimorum.
    -Aplicar os 338 bilhões que estão aplicados a mizeros 2%, na redução do custo Brasil. Urgenciando as construções de Ferrovias, Hidrovias, Modernizações de Portos e Aeroportos. E Implantações de Industrias Navais que abasteçam nossas costas com frotas de Navios de cabotagem para nosso transporte costeiro e sul americano.
    -Precisamos ter e usar de Coragem Humana, Politica e Técnica para recuperarmos todo o tempo perdido com o Ultrapassado Paradigma de
    desenvolvimento nacional que nos foi imposto pelos EUA atravéz dos governos militares. Acabaram com nossos sonhos que agora estou sugerindo retornarmos. Nesse tempo, países como os asiaticos, Japão e coreia fizeram tudo o que nós Getulistas queriamos fazer.
    -E deu no que deu. Olha eles na boa e nós na mal. Querendo saír da lama,
    Que eles nos colocaram com seu modelo de transportes Rodoviarios.
    -E com mais urgencia – urgentissima mesmo é o nosso modelo educacional:
    -Tem que ser prá já: ENSINO EM TEMPO INTEGRAL COM 3 REFEIÇÕES DIARIAS, COM MATERIAL ESCOLAR E UNIFORMES, E TRANSPORTE ESCOLAR GRATUITO PARA SEGURANÇA DE NOSSAS CRIANÇAS NO IR E VIR SEM SEREM MOLESTADAS PELOS TRAFICANTES E PEDOFILOS.
    -TUDO ISSO PELO AMOR DA PATRIA AMADA, SALVE E SALVE BRASIL.
    -Tudo isso feito, o Brasil estará nos trilhos de nossas FERROVIAS DO ATLANTICO AO PACIFICO e de nossos PORTOS do Brasil para o mundo. Sem alimentarmos e educarmos bem as nossas crianças de hoje, nunca teremos um Brasil de que nos orgulhemos amanhã. Que queiramos ou ñ tambem será hoje. O amanhã é hoje. >SOMOS AQUILO QUE COMEMOS E AQUILO QUE PENSAMOS DE NÓS MESMOS<
    Parabens Paulo Kliass, meu mestre. Shalom!

Os comentários estão encerrados.

Copyright 2017 - Todos os direitos reservados

%d blogueiros gostam disto: