Agentes apreenderam adolescente acusado de tentativa de furto em Ipanema

Arquivado em: Polícia, Rio de Janeiro, Últimas Notícias
Publicado terça-feira, 17 de novembro de 2020 as 14:35, por: CdB

Guardas municipais apreenderam, um adolescente acusado de tentar furtar o cordão de uma pedestre no calçadão da Praia de Ipanema, altura do Posto 9, em Ipanema, Zona Sul do Rio.

Por Redação, com ACS – do Rio de Janeiro

Guardas municipais da Unidade de Ordem Pública (UOP) do Leblon apreenderam na tarde de segunda-feira, um adolescente acusado de tentar furtar o cordão de uma pedestre no calçadão da Praia de Ipanema, altura do Posto 9, em Ipanema, Zona Sul do Rio.

O caso foi registrado na 12ª DP e o adolescente foi encaminhado para a DPCA
O caso foi registrado na 12ª DP e o adolescente foi encaminhado para a DPCA

A mulher estava caminhando no calçadão, quando foi surpreendida por um adolescente que tentou arrancar, sem sucesso, o cordão do seu pescoço. O acessório acabou quebrando e caindo no chão. O acusado seguiu caminhando em direção ao Arpoador, fugindo do local sem levar o objeto.

Em seguida, a vítima acionou a equipe da UOP informando sobre a tentativa de furto que sofreu. Os agentes, então, colocaram a mulher no carro da GM-Rio e seguiram para tentar alcançar o adolescente, que foi encontrado na Praia do Arpoador, onde foi reconhecido pela vítima e apreendido.

Passagens anteriores pela Polícia

Os guardas conduziram o acusado para a 14ª DP (Leblon) e, posteriormente, para a 12ª DP (Copacabana), onde foi constatado que ele possuía passagens anteriores pela Polícia, além de ter cumprido medidas socioeducativas. A ocorrência foi registrada como tentativa de furto.

O adolescente foi conduzido para a Delegacia de Proteção à Criança e adolescente (DPCA) e a vítima foi levada pelos guardas para a sua casa.

Guarda Municipal

A prefeitura do Rio de Janeiro, por meio da Guarda Municipal, iniciou na segunda-feira, a capacitação em estágio básico de motociclista com técnicas de pilotagem para 105 agentes, entre enfermeiros e técnicos de enfermagem do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU). O curso acontece até o dia 15 de dezembro na sede da GM-Rio, em São Cristóvão, e no Parque Radical de Deodoro. A aula inaugural foi realizada com a participação do comandante da GM-Rio, inspetor geral José Ricardo Soares, do secretário municipal de Ordem Pública, Alessandro Carracena, e do coordenador geral do SAMU na capital, Eduardo Lenini Santana.

O objetivo das instruções é capacitar os agentes em conhecimentos teóricos e práticos para o emprego das motolâncias no serviço operacional, visando uma boa conduta de direção defensiva, habilidades em manobras e a condução de veículos de emergência, minimizando os riscos e otimizando a operacionalidade. Com isso, é esperado que o profissional possa chegar aos locais de atendimento de ocorrências com rapidez e segurança.

– Este curso foi implementado após parceria fechada com a Secretaria de Estado de Saúde. O curso vai permitir que os agentes possam trafegar por terrenos difíceis, como becos, ladeiras e escadarias e, assim, chegar com segurança aos locais para atendimento de emergência. Todas essas técnicas serão ministradas pela equipe de instrutores do Grupamento de Guardas Motociclistas – afirmou o comandante da GM-Rio, inspetor geral José Ricardo Soares.

Os profissionais foram divididos em seis turmas de 18 alunos. As três primeiras acontecem entre os dias 16 e 30 de novembro e as três últimas entre os dias 1º e 15 de dezembro. As aulas teóricas de legislação de trânsito, com orientações sobre regras de circulação viária, e direito administrativo serão ministradas por instrutores da Academia de Ensino da Guarda Municipal. Já a parte prática com as disciplinas de técnicas de pilotagem básica, deslocamento e parada, mecânica básica, avaliação em pista e cone e avaliação de circuito acontecerá no Parque Radical de Deodoro. O curso terá carga horária total de 40 horas.

O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência é administrado pela Fundação Saúde, vinculada à Secretaria de Estado de Saúde, pode ser acionado pelo telefone 192 e conta com atendimento de emergência e resgate feito por ambulâncias. O curso foi viabilizado após assinatura de um termo de cooperação técnica entre a Guarda Municipal e a Secretaria de Estado de Saúde, que inclui treinamento e oferecimento de cursos tanto para os profissionais do SAMU quanto para os agentes da GM-Rio.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *