Bolsonaro discursa para multidão aglomerada em Brasília

Arquivado em: Brasil, Manchete, Últimas Notícias
Publicado domingo, 19 de abril de 2020 as 17:57, por: CdB

Os manifestantes participavam de protesto em formato de carreata em apoio a Bolsonaro e contra as medidas de isolamento aplicadas por governos estaduais.

Por Redação, com Sputnik – de Brasília

O presidente do Brasil, Jair Bolsonaro, realizou neste domingo um discurso para uma multidão de manifestantes em Brasília.

O presidente do Brasil, Jair Bolsonaro
O presidente do Brasil, Jair Bolsonaro

Os manifestantes participavam de protesto em formato de carreata em apoio a Bolsonaro e contra as medidas de isolamento aplicadas por governos estaduais para tentar conter a pandemia da covid-19.

Diversos manifestantes também carregavam faixas pedindo intervenção militar no Brasil. A aglomeração contraria orientação da Organização Mundial da Saúde (OMS) para conter a pandemia

O encontro do presidente com os manifestantes aconteceu em frente ao quartel-general do Exército na capital brasileira. Parte do discurso foi divulgada em vídeo pelo próprio presidente em suas redes sociais.

– Eu estou aqui porque acredito em vocês. Vocês estão aqui porque acreditam no Brasil. Nós não queremos negociar nada. Nós queremos é ação pelo Brasil. O que tinha de velho ficou para trás. Nós temos um novo Brasil pela frente – disse o presidente aos manifestantes.

Em seguida, Bolsonaro emendou:

Protestos

– Todos, sem exceção, têm que ser patriotas e acreditar e fazer a sua parte para que nós possamos colocar o Brasil no lugar de destaque que ele merece. Acabou a época da patifaria. É agora o povo no poder.

No sábado, carreatas também foram organizadas em capitais, como São Paulo, Rio de Janeiro e Brasília. Na data, o presidente Bolsonaro foi à frente do Palácio do Planalto falar com manifestantes e criticou as medidas de isolamento social.
“A economia não roda dessa forma. Vai faltar dinheiro para pagar servidor público, e o Brasil está mergulhando num caos”, disse Bolsonaro no sábado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *