Bolsonaro está disposto a conversar sobre CPMF

Arquivado em: Negócios, Últimas Notícias
Publicado quinta-feira, 22 de agosto de 2019 as 14:00, por: CdB

O mandatário disse que irá ouvir a opinião do minstro Paulo Guedes sobre o tema.

Por Redação, com Reuters – de Brasília

O presidente Jair Bolsonaro disse nesta quinta-feira que não pretende recriar a CPMF, após fala do ministro da Economia, Paulo Guedes, sobre o assunto na véspera, mas, ao mesmo tempo, afirmou que ouvirá a opinião do auxiliar sobre o assunto e que está aberto a conversar a respeito.

Apesar de inicialmente negar a volta do imposto, Bolsonaro afirma que irá ouvir o ministro Paulo Guedes

– Vou ouvir a opinião dele (Guedes). Se desburocratizar muita coisa, diminuir esse cipoal de impostos, uma burocracia enorme, eu estou disposto a conversar. Não pretendo, falei que não pretendo recriar a CPMF – disse.

– O que ele (Guedes) complementou? A sociedade que tome uma decisão a esse respeito. Foi o que ele falou – completou.

Na quarta-feira, Guedes disse que a classe política terá que decidir se apoiará ideia do governo que deve ser proposta ao Congresso de desonerar a folha de pagamento em troca da implantação de um imposto sobre transações financeiras.

Em entrevista à imprensa após reunião com o presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), e outros parlamentares, Guedes lembrou que a CPMF, tributo sobre transações criado no governo do ex-presidente Fernando Henrique Cardoso, recebeu apoio de economistas. Também avaliou que, numa alíquota baixa, ele “não distorce tanto”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *