Vaticano condena sacerdote acusado de pedofilia

A Promotoria do Vaticano argumentou que Capella deveria ser condenado porque possuía grande quantidade de fotos e vídeos com menores em atos sexuais explícitos Por Redação, com EFE – da Cidade do Vaticano: O Tribunal do Vaticano condenou neste sábado a cinco anos de prisão o sacerdote Carlos Alberto Capella, ex-conselheiro da Nunciatura de Washington, nos […]

Continue lendo