Chuva invade aeroporto de Guarulhos

Arquivado em: Brasil, Destaque do Dia, São Paulo, Últimas Notícias
Publicado sexta-feira, 3 de janeiro de 2020 as 11:10, por: CdB

A área do Terminal 3 do Aeroporto Internacional de São Paulo, em Guarulhos, na Grande São Paulo, foi invadido por uma ‘cachoeira’ provocada pela chuva que atingiu a cidade.

Por Redação, com ABr – de São Paulo

A área do Terminal 3 do Aeroporto Internacional de São Paulo, em Guarulhos, na Grande São Paulo, foi invadido por uma ‘cachoeira’ provocada pela chuva que atingiu a cidade na quinta-feira. De acordo com a assessoria de imprensa da GRU Airport, os danos causados foram reparados.

Danos já foram reparados; Pousos e decolagens não foram afetados
Danos já foram reparados; Pousos e decolagens não foram afetados

As fortes chuvas

“A GRU Airport informa que a área do Terminal 3 do Aeroporto Internacional de São Paulo, em Guarulhos, já foi reparada. As fortes chuvas sobre São Paulo, na tarde de quinta-feira, provocaram o transbordo do sistema de drenagem do telhado do local. A equipe técnica da concessionária já reavaliou a estrutura, a fim de evitar novos incidentes no local. A GRU Airport ressalta que o fluxo de passageiros para embarque e desembarque não foi impactado em nenhum dos terminais e que a operação de pousos e decolagens segue normalmente”.

Além do aeroporto, a chuva intensa na tarde anterior provocou danos em outras partes da cidade. O Corpo de Bombeiros da capital recebeu 22 acionamentos para desabamentos, 81 acionamentos para enchentes e 21 acionamentos para quedas de árvore.

Desabamentos e enchentes

As chuvas que atingem a Grande São Paulo desde o final da tarde de quinta-feira causaram pelo menos 16 desabamentos, segundo o Corpo de Bombeiros. Uma adolescente foi resgatada com escoriações dos escombros de uma casa em Santa Isabel, na parte norte da região metropolitana.

Em Barueri, a oeste da Grande São Paulo, um muro caiu sobre uma residência. Os moradores foram resgatados sem ferimentos.

Enchentes

Os bombeiros receberam ainda 33 chamados relacionados a problemas enfrentados com enchentes. Na Zona Norte da capital paulista, o Córrego Perus transbordou. Duas ruas da região ficaram alagadas de forma intransitável. Também chove forte no extremo sul da cidade, nos bairros de Engenheiro Marsilac e Parelheiros, e na zona leste – no Brás, no Pari, no Belém e na Mooca.

De acordo com o Centro de Gerenciamento de Emergências da cidade de São Paulo, as chuvas, alternadas com períodos de melhora, podem se estender durante a noite. Essa situação aumenta o risco de deslizamentos em áreas de encosta.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *