Erdogan demite chefe do banco central

Arquivado em: Destaque do Dia, Mundo, Últimas Notícias
Publicado sábado, 6 de julho de 2019 as 12:54, por: CdB

Nenhum motivo oficial foi dado para a demissão, mas fontes do governo citaram a frustração de Erdogan com a manutenção pelo banco central da taxa de juros em 24%.

Por Redação, com Reuters – de Ancara

O presidente da Turquia, Tayyip Erdogan, demitiu neste sábado o presidente do banco central depois que as diferenças entre eles sobre o momento para cortes de juros se aprofundaram.

Presidente da Turquia, Tayyip Erdogan

O presidente Murat Cetinkaya, cujo mandato de quatro anos iria até 2020, será substituído por seu vice, Murat Uysal, de acordo com decreto presidencial publicado neste sábado no diário oficial.

Nenhum motivo

Nenhum motivo oficial foi dado para a demissão, mas fontes do governo citaram a frustração de Erdogan com a manutenção pelo banco central da taxa de juros em 24% desde setembro passado para sustentar a lira.

A economia turca encolheu com força pelo segundo trimestre seguido no início de 2019, prejudicada pela crise cambial, inflação em dois dígitos e taxa de juros alta.

Erdogan quer juros mais baixos para impulsionar a economia.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *