Ex-presidente Lula sugere que atual mandatário fala de ‘maricas’ como se fosse ‘macho’

Arquivado em: Política, Últimas Notícias
Publicado quarta-feira, 11 de novembro de 2020 as 14:53, por: CdB

Em discurso no Planalto, na véspera, Bolsonaro afirmou que é preciso enfrentar a pandemia do novo coronavírus de “peito aberto” e que o Brasil tem de deixar de ser “um país de maricas”, referência pejorativa ao receio com a covid-19, que já matou mais de 162 mil pessoas.

Por Redação – de São Paulo

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva usou suas redes sociais nesta quarta-feira para condenar mais uma fala agressiva de Jair Bolsonaro, que desta vez disse que o “Brasil tem que deixar de ser um país de maricas”.

Líder do PT, Lula tem uma chance real de voltar ao cenário político em uma nova candidatura
Líder do PT, Lula não se furtou ao comentário pejorativo do presidente Jair Bolsonaro (sem partido)

“O Bolsonaro chama a sociedade brasileira de ‘marica’ como se ele fosse o grande ‘macho’ nesse país. Não é possível que a gente subordine a ciência à ignorância desse presidente”, escreveu Lula.

Disparates

Em discurso no Planalto na tarde desta terça-feira, Bolsonaro afirmou que é preciso enfrentar a pandemia do novo coronavírus de “peito aberto” e que o Brasil tem de deixar de ser “um país de maricas”, numa referência pejorativa ao receio com a covid-19, que já matou mais de 162 mil e infectou 5,67 milhões de pessoas.

— Tudo agora é pandemia, tem que acabar com esse negócio, pô. Lamento os mortos, lamento. Todos nós vamos morrer um dia, aqui todo mundo vai morrer. Não adianta fugir disso, fugir da realidade. Tem que deixar de ser um país de maricas — disparou Bolsonaro.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *