FMI pede ao G20 uma nova estrutura para dívida externa

Arquivado em: Comércio, Indústria, Negócios, Serviços, Últimas Notícias
Publicado domingo, 22 de novembro de 2020 as 14:53, por: CdB

“É fundamental operacionalizar esta estrutura de maneira rápida e eficaz”, disse Georgieva, em um comunicado após se dirigir aos líderes do grupo das 20 maiores economias.

Por Redação, com Reuters – de Bruxelas

A chefe do Fundo Monetário Internacional (FMI), Kristalina Georgieva, pediu neste domingo a implementação imediata e efetiva de uma nova estrutura do G20 criada para ajudar os países mais pobres do mundo a obter alívio permanente de dívida, mas disse que outros países também precisam de ajuda.

Chefe do FMI, a búlgara Kristalina Georgieva adverte para o rápido declínio da economia mundial, em face da covid-19
Chefe do FMI, a búlgara Kristalina Georgieva adverte para o rápido declínio da economia mundial, em face da covid-19

“É fundamental operacionalizar esta estrutura de maneira rápida e eficaz”, disse Georgieva, em um comunicado após se dirigir aos líderes do grupo das 20 maiores economias.

Congelamento

“Daqui para frente, devemos também ajudar os países não cobertos por essa estrutura a endereçar vulnerabilidades de suas dívidas para que suas economias possam se tornar mais resilientes.”

A estrutura de tratamento para dívida endossada pelos líderes do G20 neste domingo se aplica a 73 países que são elegíveis para um congelamento temporário nos pagamentos oficiais de suas dívidas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *