Gabriel Jesus recebe suspensão por comportamento na final da Copa América

Arquivado em: Destaque do Dia, Esportes, Futebol, Últimas Notícias
Publicado quinta-feira, 8 de agosto de 2019 as 13:23, por: CdB

O atacante Gabriel Jesus recebeu uma suspensão de dois meses de partidas da seleção brasileira e uma multa de US$ 30 mil.

Por Redação, com Reuters – de Brasília/Londres

O atacante Gabriel Jesus recebeu uma suspensão de dois meses de partidas da seleção brasileira e uma multa de US$ 30 mil devido ao comportamento após ser expulsão da final da Copa América no mês passado, informou a Confederação Sul-Americana de Futebol (Conmebol).

Gabriel Jesus na final da Copa América no Maracanã

Gabriel Jesus fez um gol na vitória de 3 a 1 sobre o Peru, mas foi expulso aos 25 minutos do segundo tempo ao receber um segundo cartão amarelo. O atacante do Manchester City, de 22 anos, discutiu com o árbitro e descontou a raiva chutando uma garrafa de água e empurrando o monitor do árbitro de vídeo (VAR) antes de sair de campo.

Notificação

“Gabriel Jesus está suspenso por dois meses a partir do dia seguinte à notificação desta decisão”, disse a Conmebol em um comunicado. “Consequentemente, o jogador está suspenso de partidas oficiais e amistosos com sua seleção nacional neste período de tempo”.

Em resultado da suspensão, Gabriel perderá os amistosos do Brasil com a Colômbia e o Peru no mês que vem. Ele tem sete dias para apelar da decisão.

A suspensão se segue à do atacante argentino Lionel Messi, que tampouco disputará partidas internacionais durante três meses e recebeu uma multa de US$ 50 mil depois de acusar os dirigentes do futebol sul-americano de “corrupção” durante o mesmo torneio.

Kyrgios volta a perder a compostura

Nick Kyrgios parecia ter virado uma página nas últimas semanas, quando seus gracejos com os torcedores e a concentração maior o ajudaram a mostrar muito de seu melhor tênis, mas o lado sombrio do tenista voltou em Montreal na terça-feira durante uma discussão por causa de uma toalha.

O australiano, que venceu o ATP Open de Washington no domingo, foi eliminado na primeira roda do Masters 1000 de Montreal pelo britânico Kyle Edmund em parciais de 6-3 e 6-4 após uma discussão raivosa com o árbitro de cadeira que lhe rendeu uma punição por obscenidade.

Antes da partida, o tenista de 24 anos havia perguntado ao árbitro se poderia receber uma toalha branca, ao invés daquela com o logotipo do torneio, e teve um ataque de nervos quando percebeu que seu pedido não havia sido atendido após o quinto game.

“Não tenho permissão de sair da cadeira”, disse o árbitro depois que o tenista lhe pediu para conseguir a toalha.

– Você está me dizendo que não pode pedir uma simples toalha branca pelo rádio? – replicou Kyrgios, furioso.

Um boleiro finalmente a deu a Kyrgios, mas isso pouco ajudou o tenista, já que Edmund deu uma aula de saques para garantir a vitória.

O rompante de Kyrgios aconteceu depois de ele aparentemente se reinventar como queridinho do público nas semanas que se seguiram à sua derrota para Rafael Nadal em Wimbledon.

O tênis soberbo que ele exibiu naquela partida lhe rendeu novos admiradores, e o australiano extraiu força da torcida em torneios subsequentes, contando piadas aos torcedores e até lhes perguntando onde deveria sacar.

Juventus e Manchester City

A Juventus concluiu um acordo com o Manchester City que levará o lateral-direito Danilo para Turim em troca do também lateral-direito João Cancelo, informaram os dois clubes na quarta-feira.

O clube italiano disse que assinou com o defensor brasileiro um contrato de cinco anos por 37 milhões de euros (US$ 41,5 milhões), enquanto o Manchester City confirmou a chegada de Cancelo, jogador da seleção portuguesa. A Juventus informou que o atual campeão inglês pagará 65 milhões de euros pelo atleta.

Cancelo, de 25 anos, passou uma temporada na Juventus, e contribuiu com o oitavo título consecutivo da equipe no Campeonato Italiano. Criado no Benfica, ele também atuou no Valencia e na Inter de Milão.

– O City é um clube fantástico, com um técnico brilhante, e estou muito feliz por estar aqui – disse Cancelo.

– Tudo a respeito deles me impressionou, das instalações ao estilo de jogo – acrescentou. “Estou sempre buscando desenvolver meu jogo e conquistar títulos, e acredito que posso fazê-lo aqui.”

Cancelo atuou 14 vezes por Portugal, embora geralmente seja preterido por Nelson Semedo na lateral.

Danilo, que esteve no elenco do Brasil na última Copa do Mundo, realizou 34 partidas no Campeonato Inglês em duas temporadas no Manchester City. Revelado pelo América Mineiro, o lateral de 28 anos também atuou em Porto, Santos e Real Madrid.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *