Hamilton alcança recorde de Schumacher e recebe homenagem do piloto alemão

Arquivado em: Destaque do Dia, Esportes, Fórmula 1, Últimas Notícias
Publicado domingo, 11 de outubro de 2020 as 12:51, por: CdB

Hamilton, que comemora sua sétima vitória no ano, está agora 69 pontos à frente do finlandês na classificação, faltando seis provas para o fim.

Por Redação, com Reuters – de Nürburg – Alemanha

O piloto britânico Lewis Hamilton igualou, neste domingo, o alemão Michael Schumacher com o recorde do maior número de vitórias (91) em todos os tempos na Fórmula 1 ao triunfar no Grande Prêmio de Eifel e, de quebra, ficar mais perto da conquista do seu sétimo título mundial na categoria.

Hamilton recebeu um capacete de filho de Schumacher, o também piloto de corridas Mick
Hamilton recebeu um capacete de filho de Schumacher, o também piloto de corridas Mick

Enquanto o britânico triunfava em Nürburgring, o mesmo circuito alemão onde a lenda da Ferrari Schumacher venceu cinco vezes, o companheiro de equipe de Hamilton na Mercedes Valtteri Bottas sofreu um enorme revés em suas chances de título ao abandonar a prova com problemas no motor do carro, pela primeira vez na temporada.

Hamilton, que comemora sua sétima vitória no ano, está agora 69 pontos à frente do finlandês na classificação, faltando seis provas para o fim.

Schumacher

Max Versteppen, da Red Bull, terminou em segundo e conquistou um ponto de bônus pela volta mais rápida, com o australiano Daniel Ricciardo em terceiro pela Renault, o primeiro pódio dele desde 2018, quando estava na Red Bull.

O filho de Schumacher, Mick, líder da Fórmula 2 e que poderá competir contra Hamilton na próxima temporada, presenteou o britânico com um dos capacetes vermelhos do seu pai, da segunda passagem dele pela F1 com a Mercedes.

— Parabéns e isso é em nome de todos nós. Uma grande conquista, de verdade — disse Mick.

No pitlane

O pai sofreu graves ferimentos na cabeça em um acidente de esqui em 2013 e não foi mais visto em público desde então.

— Muito obrigado, é uma honra. Eu nem sei o que dizer. Quando você cresce vendo alguém, geralmente idolatra essa pessoa. Não só pela qualidade do piloto, mas pelo que ele é capaz de fazer continuamente, ano após ano, corrida na corrida e semana após semana — disse Hamilton antes de subir ao pódio no circuito mais próximo de onde Schumacher vivia na infância, em Kerpen.

Ainda segundo o piloto, “testemunhando o domínio dele por tanto tempo, eu acho que ninguém, especialmente eu, imaginava eu que estaria perto do Michael em termos de recordes e números. Portanto, é uma honra incrível e vai levar algum tempo para me acostumar com isso”.

Hamilton disse que só percebeu o significado do que alcançou quando entrou no pitlane, após passar pela bandeira quadriculada.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *