Hamilton vence em Mugello e fica a um GP do recorde mundial

Arquivado em: Destaque do Dia, Esportes, Fórmula 1, Últimas Notícias
Publicado domingo, 13 de setembro de 2020 as 13:31, por: CdB

Em uma corrida marcada por vários acidentes, o piloto da Mercedes, Lewis Hamilton, garantiu sua 90ª vitória da carreira neste domingo no Grande Prêmio da Toscana, no circuito de Mugello. Com isso, o britânico fica a apenas uma conquista da marca do alemão Michael Schumacher, a maior na história da Fórmula 1.

Por Redação, com Ansa – de Mugello, Itália

Inédito na história da Fórmula 1, o GP da Toscana começou com uma série de acidentes e duas interrupções, na manhã deste domingo. A vitória, porém, sorriu para o piloto britânico Lewis Hamilton, que corre pela equipe alemã Mercedes Benz. O resultado garante a liderança folgada no campeonato e um passo a menos para o heptacampeonato. O líder da escuderia superou o companheiro e equipe Valtteri Bottas logo depois de ser ultrapassado pelo finlandês, na primeira das três largadas no GP.

O GP de Mugello foi marcado por acidentes em série, mas sem nenhum ferido
O GP de Mugello foi marcado por acidentes em série, mas sem nenhum ferido

O pódio ficou completo com o anglo-tailandês Alexander Albon, da Red Bull, pela primeira vez em sua curta carreira. Além de Albon, quem também teve um domingo especial foi Daniel Ricciardo. O piloto da Renault esteve próximo do primeiro pódio em 2020, mas terminou numa honrosa quarta colocação. Oito pilotos abandonaram a corrida, na Itália, e apenas Mercedes e Ferrari terminaram o GP com seus dois carros na pista.

‘Engavetamento’

Entre as batidas, os destaques foram incidentes que levaram ao abandono de Max Verstappen, holandês da Red Bull, e de Lance Stroll, canadense da Racing Point. Sem contar o ‘engavetamento’ envolvendo o espanhol Carlos Sainz, que correrá pela Ferrari no ano que vem. A escuderia, aliás, completou seu 1000º GP na F1 neste fim de semana.

Os fãs da equipe italiana, porém, tiveram pouco a comemorar. O monegasco Charles Leclerc largou muito bem e chegou a brigar pela ponta, mas terminou apenas em oitavo. Já o alemão Sebastian Vettel fez corrida discreta e completou em nono.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *