Incêndio força 2 mil pessoas a saírem de casa na Califórnia

Arquivado em: América do Norte, Destaque do Dia, Mundo, Últimas Notícias
Publicado sexta-feira, 25 de outubro de 2019 as 11:20, por: CdB

Na manhã desta sexta-feira, o fogo no condado de Sonoma já havia consumido cerca de 6.470 hectares, informou o Departamento de Proteção contra Incêndios da Califórnia.

Por Redação, com Reuters – de Nova York

Os ventos que atiçaram os incêndios florestais que obrigaram cerca de 2 mil pessoas a fugirem de casa na região das vinícolas do norte do Estado norte-americano da Califórnia devem diminuir nesta sexta-feira.

Incêndio florestal destrói cercas perto de Geyserville, na Califórnia
Incêndio florestal destrói cercas perto de Geyserville, na Califórnia

Embora a melhor condição dê aos bombeiros uma chance maior de combater as chamas, assim como tempo aos funcionários das prestadoras de serviço para religar a eletricidade, a pausa pode ser curta, disseram meteorologistas do Serviço Nacional do Clima dos Estados Unidos (NWS) na manhã desta sexta-feira.

Algumas companhias elétricas redobraram os esforços para devolver a energia aos consumidores depois de receberem sinal verde na quinta-feira graças à redução dos ventos vindos do oeste, que tiveram rajadas de 64 km/h a 80 km/h.

Mas Marc Chenard, meteorologista do Centro de Previsões Climáticas do NWS de College Park, em Maryland, alertou: “Ainda não acabou”.

– Sim, está melhorando, a maioria dos alertas foi suspensa por lá agora – disse Chenard. “Mas temos outro evento chegando no sábado e ao menos durante o domingo”.

A energia

Apesar disso, a prestadora de serviço Pacific Gas and Electric (PG&E) disse acreditar que terá religado a energia de todos os cerca de 178 mil consumidores que ficaram no escuro nesta semana ainda nesta sexta-feira.

A empresa informou na manhã desta sexta-feira que já devolveu a luz a quase 165 mil clientes em partes de 18 condados.

A energia havia sido desligada para impedir incêndios florestais de linhas de transmissão caídas das colinas de Sierra Foothills a North Bay e aos condados de San Mateo e Kern, segundo a empresa.

Embora a causa do incêndio ainda não tenha sido determinada, ele parece ter surgido perto da base de uma torre de transmissão de alta voltagem danificada da PG&E.

A companhia disse em um relatório sobre um “incidente de segurança elétrica” à Comissão de Prestadoras de Serviço Público da Califórnia que uma de suas linhas de transmissão falhou perto do momento e do local de origem do incêndio na noite de quarta-feira.

Incêndio

Nem a PG&E nem a comissão explicou se a torre danificada ou a linha de transmissão conectada a ela que falhou pode ter iniciado o fogo, apelidado de Incêndio Kincade, que já destruiu cerca de uma dúzia de casas e outras estruturas.

Ainda na manhã desta sexta-feira, o fogo no condado de Sonoma já havia consumido cerca de 6.470 hectares, informou o Departamento de Proteção contra Incêndios da Califórnia.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *