Na Inglaterra, manifestantes derrubam estátua de escravagista

Arquivado em: Destaque do Dia, Europa, Mundo, Últimas Notícias
Publicado domingo, 7 de junho de 2020 as 17:06, por: CdB

No sudoeste da Inglaterra, em Bristol, uma multidão conseguiu derrubar a estátua de Edward Colston, um homem que foi muito influente na cidade mas que era também escravagista.

Por Redação, com agências internacionais – de Bristol, Londres e Paris

As manifestações contra o racismo tomaram o Centro de Londres, neste domingo, e terminaram com uma série de prisões, efetuadas pelo forte aparato policial mobilizado. Mas os protestos não se resumiram à capital do Reino Unido. No sudoeste da Inglaterra, em Bristol, uma multidão conseguiu derrubar a estátua de Edward Colston, um homem que foi muito influente na cidade mas que era também escravagista.

A estátua do empresário escravagista Edward Colston foi derrubada, rolada pelas ruas e atirada ao rio que corta a cidade de Bristol, na Inglaterra
A estátua do empresário escravagista Edward Colston foi derrubada, rolada pelas ruas e atirada ao rio que corta a cidade de Bristol, na Inglaterra

A estátua foi depois transportada até ao rio e lançada à água.

Mas nem tudo foi violência no país. A cantora Madonna marcou presença nos protestos do movimento Black Lives Matter, na véspera. Ela marchou, de muletas, ao lado de milhares de pessoas, pelas ruas londrinas.

Urgência

Madonna ainda se recupera de uma problema no joelho, lesionado durante ensaior de”Madame X”, nos primeiros meses do ano. Nas redes sociais, os fãs partilharam várias imagens e vídeos de Madonna na manifestação. 

Em Paris, milhares de pessoas saíram à ruas, neste domingo, para protestar pacificamente contra o racismo e a violência policial, embora a manifestação convocada na capital francesa não ter sido autorizada devido ao estado de urgência sanitária.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *