Instituição reguladora da Fifa instrui liga inglesa a seguir regras de uso do VAR

Arquivado em: Destaque do Dia, Esportes, Futebol, Últimas Notícias
Publicado quinta-feira, 22 de agosto de 2019 as 13:09, por: CdB

A decisão decorre do receio de que a liga inglesa e a alemã, em particular, estejam aplicando interpretações diferentes no uso do VAR.

Por Redação, com Reuters – de Londres/Barcelona/Milão

O organismo formulador de leis do futebol exortou a Premier League e outras competições a seguirem as mesmas regras no uso da tecnologia do árbitro de vídeo (VAR).

Aguero, do Manchester City, bate pênalti contra o West Ham, pelo Campeonato Inglês

A decisão decorre do receio de que a liga inglesa e a alemã, em particular, estejam aplicando interpretações diferentes no uso do VAR do que aquelas orientadas pelo Ifab, a instituição reguladora da Fifa.

“Toda competição precisa respeitar as leis do jogo e qualquer das diretrizes publicadas/comunicadas e/ou esclarecimentos do Ifab”, disse um porta-voz do Ifab à agência inglesa de notícias Reuters.

Na quarta-feira, o Ifab emitiu uma circular sobre as mudanças recentes nas leis, incluindo o uso do VAR nas cobranças de pênalti.

Os árbitros

As ligas inglesa e alemã optaram por deixar que os árbitros de campo decidam se o goleiro se afastou ou não da linha, e recorrer ao VAR somente se houver um erro claro da arbitragem.

Mas o Ifab insistiu que o VAR “precisa verificar qualquer violação do goleiro (e/ou do batedor de pênalti) e o VAR precisa informar o árbitro se houve um indício claro no replay”.

Ataques racistas

Representantes do Twitter se reunirão com o Manchester United e o organismo antidiscriminatório britânico Kick It Out depois que o meia Paul Pogba se tornou o mais recente jogador a ser submetido a ataques racistas online, informou a empresa de mídia social na quarta-feira.

Pogba, da França, foi alvo de ataques depois de ter perdido um pênalti no empate por 1 a 1 na Premier League contra o Wolverhampton Wanderers.

“Sempre mantivemos um diálogo aberto e saudável com nossos parceiros neste espaço, mas sabemos que precisamos fazer mais para proteger nossos usuários”, disse o Twitter em um comunicado.

“O comportamento racista não tem lugar na nossa plataforma e nós o condenamos veementemente.

“Nas próximas semanas, os representantes do Twitter se reunirão com o Manchester United, o Kick It Out e quaisquer outros membros da sociedade civil interessados em ouvir sobre o trabalho proativo que o Twitter está fazendo para lidar com ataques racistas online contra certos jogadores no Reino Unido”.

O ataque sofrido por Pogba foi condenado por seus companheiros de equipe, incluindo Harry Maguire, que pediu às empresas de mídia social que verificassem as contas dos usuários para evitar o abuso anônimo de jogadores.

Messi retorna aos treinos do Barcelona

O argentino Lionel Messi voltou aos treinamentos do Barcelona na quarta-feira, 16 dias depois de sofrer uma lesão na panturrilha direita, informou o clube catalão.

Lionel Messi

O capitão se lesionou em 5 de agosto, em seu primeiro treino com o Barcelona após as férias, e não participou da turnê de pré-temporada nos Estados Unidos, nem da derrota para o Athletic de Bilbao, na abertura do Campeonato Espanhol, em San Mamés.

Espera-se que o argentino receba alta médica para enfrentar o Real Bétis no domingo, pela segunda rodada de La Liga, no Camp Nou.

Fiorentina confirma chegada de Ribéry

Franck Ribéry, ex-meia-atacante da França e do Bayern de Munique, jogará na Fiorentina, informou o time da liga italiana na quarta-feira.

O site do clube publicou um vídeo do jogador de 36 anos descendo de um jato particular no aeroporto Peretola de Florença antes de se encontrar com dirigentes.

A mídia italiana disse que cerca de 300 torcedores da Fiorentina também aguardavam para saudá-lo.

Ribéry disse que Luca Toni, ex-colega de Bayern e ex-integrante da Itália que teve duas passagens pela Fiorentina, ajudou a convencê-lo da mudança.

– Ele me disse que é um grande clube e uma cidade linda –  contou Ribéry, que deve passar por um exame médico antes de assinar um contrato de dois anos.

Ribéry foi para o Bayern em 2007 e conquistou 21 títulos importantes com os bávaros, incluindo a Liga dos Campeões de 2013 e o Mundial de Clubes, além de cinco Copas da Alemanha e nove títulos da liga alemã.

Ele marcou 16 gols em 81 atuações com a seleção francesa, mas muitos consideram que ele jamais explorou todo seu potencial na arena internacional.

A Fiorentina quase foi rebaixada na última temporada e iniciará a nova campanha com um novo dono, já que o bilionário norte-americano Rocco Commisso comprou o time da família Della Valle.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *