Integrantes de quadrilha que aplicava golpes em influenciadores digitais são presos

Arquivado em: Polícia, Rio de Janeiro, Últimas Notícias
Publicado segunda-feira, 14 de setembro de 2020 as 14:46, por: CdB

Policiais realizaram, nesta segunda-feira, a primeira etapa da Operação Digital Influencer. O objetivo é desarticular uma quadrilha responsável por extorquir pessoas populares nas redes sociais, com grande número de seguidores, que ostentavam alto poder aquisitivo.

Por Redação, com ACS – do Rio de Janeiro

Policiais da 79ªDP (Jurujuba) realizaram, nesta segunda-feira, a primeira etapa da Operação Digital Influencer. O objetivo é desarticular uma quadrilha responsável por extorquir pessoas populares nas redes sociais, com grande número de seguidores, que ostentavam alto poder aquisitivo. Na ação, três homens foram presos acusados de extorsão.

Na ação, três homens foram presos acusados de extorsão
Na ação, três homens foram presos acusados de extorsão

De acordo com os agentes, os criminosos monitoravam a rotina das vítimas e as ameaçavam, exigindo quantias que podiam chegar a R$ 100 mil. As investigações prosseguem para identificar outros integrantes e demais crimes praticados pela quadrilha.

Facção criminosa

Policiais da 89ª DP (Resende) prenderam na última sexta-feira  prenderam um homem apontado como chefe de uma facção criminosa que atua na região. Ele foi detido no bairro Cidade Alegria.

A equipe da delegacia havia recebido informações de que o indivíduo, juntamente com outros membros da facção, iria realizar ataques a uma organização criminosa rival. Com o objetivo de salvaguardar vidas, foi necessário realizar a prisão do suspeito.

Policiais da 167ª DP (Paraty) prenderam, no sábado, um homem de 21 anos acusado de tentativa de homicídio e corrupção de menores. Ele foi capturado na localidade da Quadra de Esportes, Ilha das Cobras.

Segundo os agentes, contra ele foi cumprido mandado de prisão preventiva, expedido pela Justiça. Ele foi encaminhado ao sistema prisional.

Violência

Policiais da Delegacia de Atendimento à Mulher (Deam) de São João de Meriti prenderam no sábado um homem que teria atropelado a própria companheira. O crime ocorreu no último dia 7 em Vilar dos Teles, no município de São João de Meriti.

Contra ele, foi cumprido mandado de prisão temporária por tentativa de feminicídio. Por conta do atropelamento, a vítima teve costelas quebradas e outras lesões na caixa torácica e precisou ser internada em um hospital de região.

Após a Deam tomar ciência do ocorrido, foram realizadas diversas diligências que culminaram com a obtenção das imagens do local onde o veículo dirigido pelo autor atropela a vítima. A partir disso, foi representada pela prisão temporária do autor.

Milícia

A Polícia Civil e o Ministério Público do Rio de Janeiro (MPRJ) cumpriram na semana passada cinco mandados de busca e apreensão contra suspeitos de envolvimento com a milícia que controla a comunidade de Gardênia Azul, na Zona Oeste da cidade do Rio.

A ação busca informações para tentar solucionar os assassinatos do ex-policial militar André Henrique da Silva Souza e da companheira dele Juliana Sales de Oliveira, em 2014.

Os assassinatos

Os assassinatos foram motivados por uma disputa territorial entre milicianos. Os mandados estão sendo cumpridos em locais da cidade do Rio, inclusive na cela de um investigado que está preso em Bangu, e de São Paulo.

Um dos investigados pelo homicídio de 2014, segundo a Polícia Civil, é também acusado de matar a vereadora Marielle Franco e o motorista Anderson Gomes, em 2018. O MP não divulgou mais detalhes devido ao sigilo das informações.

Tráfico de drogas

Policiais da 166ª DP (Angra dos Reis) prenderam em flagrante, nesta quarta-feira, um traficante atuante na localidade de Manguinhos, no município de Angra dos Reis.

Segundo os agentes, o preso integra a organização criminosa que atua na região. Com ele foram encontrados 176 pinos de cocaína para venda.

Policiais da 167ª DP (Paraty) prenderam em flagrante, nesta quarta-feira, um homem pelos crimes de ameaça, resistência e desacato. Ele foi capturado no bairro de Pontal, no município de Paraty.

Segundo os agentes, o preso quebrou os dentes da sua ex mulher, bem como ameaçou o atual companheiro dela de morte. Além disso, no momento da prisão ele desacatou os policiais. Ele foi encaminhado ao sistema prisional.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *