Moradores de Heliópolis fazem testes rápidos da covid-19

Arquivado em: Brasil, Destaque do Dia, São Paulo, Últimas Notícias
Publicado sábado, 8 de agosto de 2020 as 12:33, por: CdB

A aplicação dos testes nas favelas é mais uma ação da campanha Cufa Contra o Vírus, que já realizou diversas lives e ações sociais, recebeu mais de 11 mil toneladas de alimentos e R$ 150 milhões em doações, além de álcool em gel, máscaras e muito mais.

Por Redação, com ABr – de São Paulo

Uma ação social ofertou neste sábado testes rápidos de detecção da covid-19 para 250 moradores de Heliópolis, favela localizada na Zona Sul de São Paulo, considerada a maior da capital. A HCA, startup de saúde, é a responsável pela operacionalização dos testes, doados pela Officer, empresa de tecnologia, à Central Única das Favelas (Cufa).

Ação é organizada pela Central Única de Favelas
Ação é organizada pela Central Única de Favelas

A empresa de tecnologia fez a doação de mil testes rápidos de coronavírus para a Cufa, que optou por distribuir a aplicação dos exames em quatro favelas. No sábado passado, aconteceu a primeira testagem no Parque Santo Antônio. Moradores de Paraisópolis e Brasilândia também serão contemplados, nos dias 15 e 16 de agosto, respectivamente.

A aplicação dos testes nas favelas é mais uma ação da campanha Cufa Contra o Vírus, que já realizou diversas lives e ações sociais, recebeu mais de 11 mil toneladas de alimentos e R$ 150 milhões em doações, além de álcool em gel, máscaras e muito mais.

Favelas do Brasil

A instituição informou que mantém parceria com centenas de organizações para combater o coronavírus nas favelas do Brasil. São, aproximadamente, 15 milhões de moradores em todo o território nacional e muitos deles não podem deixar de trabalhar e transitam pelas ruas se expondo ao risco do contágio.

Para saber mais sobre os projetos, se voluntariar ou fazer alguma doação, acesse o site da Cufa.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *