Paulo Guedes quer apressar votação de reformas, no Congresso

Arquivado em: Comércio, Indústria, Negócios, Serviços, Últimas Notícias
Publicado segunda-feira, 23 de novembro de 2020 as 14:46, por: CdB

Ao participar de webinário promovido pela Firjan, ele disse que há uma pauta mínima que deve avançar, pois “tem baixo custo político e muito retorno social”, citando BC independente, marco regulatório para gás natural e cabotagem.

Por Redação – de Brasília

Ministro da Economia, o empresário Paulo Guedes afirmou, nesta segunda-feira, que as eleições municipais já passaram e agora é a oportunidade para a realização de mais reformas. Ele diz ter certeza quanto à aprovação pela Câmara dos Deputados da autonomia formal do Banco Central, projeto que já foi chancelado no Senado.

Ministro Paulo Guedes reafirmou ainda a meta de privatizar US$ 20 bilhões neste ano.
Ministro Paulo Guedes reafirmou ainda a meta de privatizar US$ 20 bilhões neste ano.

Ao participar de webinário promovido pela Firjan, ele disse que há uma pauta mínima que deve avançar, pois “tem baixo custo político e muito retorno social”, citando BC independente, marco regulatório para gás natural e cabotagem.

Nova onda

O ministro afirmou ainda que, se houver nova onda de Covid-19, o governo agirá com a mesma capacidade de decisão empenhada neste ano, mas já sabendo os programas que funcionam melhor e os que não emplacaram na crise. Ele avalia que o número de mortes pelo coronavírus parece ter tido um repique, mas afirmou que é preciso observar se esse movimento vai se firmar.

— Pode ser que tenha voltado um pouco, mas ao mesmo tempo tem características sazonais a doença. Estamos entrando no verão, primavera-verão, e vamos observar um pouco em vez de já, nós que não somos especialistas, começar a decretar que doença está aí e tem que trancar tudo de novo — concluiu.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *