Polícia faz busca e apreensão em endereços de Flordelis

Arquivado em: Destaque do Dia, Polícia, Rio de Janeiro, Últimas Notícias
Publicado terça-feira, 17 de setembro de 2019 as 14:26, por: CdB

O objetivo é apreender celulares, computadores e documentos que possam contribuir para as investigações.

Por Redação, com ABr – do Rio de Janeiro

A Delegacia de Homicídios de Niterói, São Gonçalo e Itaboraí deflagrou na manhã desta terça-feira uma operação para cumprir mandados de busca e apreensão em endereços ligados à deputada federal Flordelis.

Deputada Federal Flordelis (PSD-RJ)

A ação faz parte das investigações sobre o assassinato do marido da deputada, o pastor Anderson do Carmo, no dia 16 de junho. Dois filhos do casal, Flávio dos Santos Rodrigues e Lucas Cezar dos Santos de Souza, foram presos no dia 20 de junho pelo crime e tiveram a prisão preventiva decretada em 17 de agosto.

Lucas é apontado como um dos mentores e executores do crime. Segundo policiais o jovem teria confessado que encomendou o crime com Flávio, filho biológico da deputada federal.

Anderson do Carmo foi morto com vários tiros, na garagem da casa da família, em Pendotiba, no Rio, em 16 de junho. A suspeita da polícia é que tenham cometido o crime para defender a mãe após uma traição. A pistola utilizada no crime foi encontrada na casa da deputada.

As buscas ocorrem em quatro endereços da parlamentar: o apartamento funcional em Brasília, a casa em Niterói, o gabinete no Rio de Janeiro e um imóvel da família em Jacarepaguá, Zona Oeste do Rio. O objetivo é apreender celulares, computadores e documentos que possam contribuir para as investigações.

Morte de vereador

Com base em trabalho de inteligência, em menos de 48h, policias da 118ª DP (Araruama) em ação conjunta com policiais militares prenderam, na semana passada, Yuri Santana Ortega dos Santos, o Semente, 18 anos.

Ele é apontado como autor do disparo que matou o vereador de Araruama, Ciraldo Fernandes da Silva, e foi capturado em flagrante em posse da arma utilizada no crime, uma pistola 9mm, além de grande quantidade de drogas.

Na delegacia, Yuri confessou o homicídio do vereador. Ele vai responder pelos crimes de tráfico de drogas, associação para o tráfico e porte ilegal de arma de fogo. Na mesma ação os policias prenderam André Luiz Silva Vítor, 26 anos, o Dezinho, gerente do tráfico de drogas da Comunidade da Fazendinha, em Araruama.

De acordo com a delegada Janaína Peregrino, titular da 118ª DP, a investigação apontou que o crime teria sido motivado por uma desavença da organização criminosa de tráfico de drogas que atua naquele município com o vereador.

Ainda segundo a delegada, a investigação prossegue para prender outros envolvidos no crime. Eles já foram identificados e a unidade está representando na Justiça pela prisão deles.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *