Polícia do Rio faz operação contra ex-servidores do Ipem

Arquivado em: Polícia, Rio de Janeiro, Últimas Notícias
Publicado segunda-feira, 28 de setembro de 2020 as 14:36, por: CdB

Policiais realizaram operação nesta segunda-feira contra oito ex-servidores do Instituto de Pesos e Medidas (Ipem) que se passavam por policiais civis para roubar e extorquir empresários da Baixada Fluminense.

Por Redação, com ACS – do Rio de Janeiro

Policiais da Delegacia de Repressão aos Crimes Contra a Propriedade Imaterial (DRCPIM) realizam operação na manhã desta segunda-feira contra oito ex-servidores do Instituto de Pesos e Medidas (Ipem) que se passavam por policiais civis para roubar e extorquir empresários da Baixada Fluminense. Foram cumpridos oito mandados de busca e apreensão

Polícia Civil realiza operação para cumprir mandados contra quadrilha formada por ex-servidores que se passavam por policiais
Polícia Civil realiza operação para cumprir mandados contra quadrilha formada por ex-servidores que se passavam por policiais

As diligências dão prosseguimento a uma investigação que teve início com a identificação e prisão dos ex-funcionários do Ipem que são alvo da operação desta segunda-feira. Nas residências deles, em diversos bairros do Rio, como Recreio dos Bandeirantes, Freguesia, Realengo, Ramos, Engenho de Dentro, Brás de Pina e Penha, foi apreendido farto material como prova de identificação de outros membros da quadrilha ainda não investigados.

As prisões ocorreram em agosto deste ano e os criminosos foram autuados por formação de quadrilha, extorsão e corrupção. As investigações seguem em segredo de justiça.

Tentativa de homicídio

Policiais da 71ª DP (Itaboraí) prenderam, no domingo, um homem acusado de tentativa de homicídio contra o namorado da irmã. Ele foi capturado em Jaconé, município de Saquarema, na Região dos Lagos.

Segundo os agentes, a vítima namorava a irmã do acusado e, após depoimento de testemunhas, foi levantado que a família não aceitava o relacionamento, em razão da diferença de idade entre eles – o namorado é 20 anos mais novo. O preso, que é motorista de aplicativo, usou o veículo do seu pai para levar o comparsa até o local em que a vítima estava.

Ainda de acordo com os policiais, o comparsa do acusado atingiu a vítima no rosto, após três disparos efetuados. Contra o preso foi cumprido mandado de prisão, expedido pela 1ª Vara Criminal de Itaboraí.

O homem atingido está internado para retirar o projétil do rosto. As investigações prosseguem, com a finalidade de identificar e prender os demais envolvidos.

Roubo

Policiais da 76ª DP (Niterói) prenderam, no domingo, um homem acusado de roubo, após difusão de informações decorrentes das atividades de inteligência e monitoramento desenvolvidas pela delegacia. Ele foi capturado no Morro do Estado, em Niterói.

Segundo os agentes, contra o acusado foi cumprido mandado de prisão, expedido pela Justiça. Ele tem 29 anotações por homicídio, tráfico e associação para o tráfico de drogas, porte ilegal de arma de fogo, associação criminosa, extorsão e roubo.

O acusado ainda é integrante do tráfico de drogas do Morro do Estado e chegou a ocupar a posição de gerente geral da comunidade, entre os anos de 2010 e 2013, ocasião em que foi o homem de confiança do líder da comunidade que se encontra preso desde 2013. Na época, o preso liderou uma onda de arrastões pelas ruas e assaltos aos restaurantes mais tradicionais da cidade.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *