Rádio e TV fazem valer a lei do menor esforço na transmissão do futebol

Arquivado em: Coluna da TV, Últimas Notícias
Publicado segunda-feira, 23 de abril de 2018 as 09:21, por: CdB

 

Um protesto que chamou atenção porque hoje, ao contrário do que sempre foi, o que menos acontece são transmissões diretas dos estádios

 

Por Flávio Ricco – do Rio de Janeiro

Colaboração – José Carlos Nery

Ainda por ocasião do jogo Palmeiras e Boca Juniors, no Allianz Park, várias emissoras de rádio de médio e pequeno porte reclamaram das dificuldades encontradas na questão do credenciamento e falta de posições em cabines para acomodar suas equipes.

Rádio e TV fazem valer a lei do menor esforço na transmissão do futebol

Um protesto que chamou atenção porque hoje, ao contrário do que sempre foi, o que menos acontece são transmissões diretas dos estádios.

E isto no que diz respeito tanto ao rádio como a própria televisão.

Quando, há uns dois ou três anos, se podia imaginar a Globo não acompanhando o Corinthians na Argentina, como aconteceu na semana passada, contra o San Lorenzo? Só foi o repórter, que ainda assim, mal conseguiu fazer seu trabalho de lá.

Curioso é que, voltando ao Palmeiras e Boca lá de cima, grande parte dos problemas causados foi pela presença em enorme quantidade da imprensa argentina.

Ao que parece só aqui o comodismo tomou conta.

TV Tudo

E tem outra

A Band, que não tem quase mais nada no esporte, possui os direitos exclusivos para transmissão de Roland Garros.

Resta saber se dará à competição a importância que ela merece, com equipe no local, ou será aquela meia boca dos últimos dois anos.

Equipe definida

O canal Fox Sports também está com a sua relação fechada dos que irão cobrir a Copa na Rússia.

Fora repórteres, estão confirmadas as viagens de Benjamin Back, Fábio Sormani, Oswaldo Pascoal, Flávio Gomes, Mano, João Guilherme, Edmundo, Carlos Eugênio Simon, Paulo Vinícius Coelho, Eduardo Elias, Marina Ferrari e Nivaldo Prieto.

Estreia – 1

A Globo soube criar uma expectativa das mais interessantes para a estreia de Onde Nascem os Fortes, na noite desta segunda, depois de O Outro Lado do Paraíso.

Supersérie escrita por George Moura e Sérgio Goldenberg, com direção de José Luiz Villamarim, boa parte das suas cenas foi gravada em regiões do Nordeste. Uma das preocupações da sua Teledramaturgia, nos dias atuais, é não limitar “olhares”.

Estreia – 2

Enquanto Record e SBT nunca saem do trivial variado e insistem em uma linha predeterminada, evangélicas e infantis, a Globo passou a arriscar muito mais, remetendo seus trabalhos nas mais diferentes épocas e direções.

Pode até quebrar a cara de vez em quando. Deus Salve o Rei, por exemplo. Mas não tem faltado vontade, na medida do possível, de querer fazer diferente e de dialogar com os mais diferentes tipos de público.

Expectativa

Onde Nascem os Fortes, por tudo que envolve a sua produção, se encaixa bem nesta nova filosofia de trabalho da dramaturgia da Globo.

A de apostar em novos desafios, se identificar cada vez mais como um número maior de pessoas e ir ao encontro delas. Uma preocupação que as suas concorrentes não têm.

Nos trilhos

Apresentado pelos jornalistas Amanda Klein e Boris Casoy, o Rede TV News tem observado crescimento de audiência ao longo dos últimos meses.

Impulsionado pelo bom desempenho do Operação de Risco, o jornal já apresenta aumento de 10% nas três primeiras semanas de abril em relação ao mesmo período do mês anterior.

Repórter especial

No Power Couple da Record, com Gugu na sua apresentação a partir desta terça-feira, com plateia, Junno Andrade também terá um papel importante.

Além do serviço no on-line, ele será o repórter especial do programa.

Passou batido

Silvio Santos está de volta ao Brasil, pronto para reiniciar suas atividades. O diferente dessas suas últimas férias em comparação com todas as outras é que nesta, em nenhum momento, ele usou do telefone ou outros meios para mudar alguma coisa no SBT.

Limitou-se apenas a receber os relatórios habituais, preparados pelo assessor direto, Rafael Larena. Resta saber se não guardou para agora.

Pode ser

Na Record a certeza é que a construção do jornalismo foi mesmo adiada. Talvez só em 2019, sujeito a confirmações.

O que passou a existir como possibilidade é o projeto de um novo cenário para o Jornal da Record. O atual está próximo de chegar ao seu 10º aniversário.

Bate – Rebate

·       Novos cenários do Encrenca, da Rede TV!, serão apresentados na primeira quinzena de maio.       

·       Candidato pelo Podemos, Álvaro Dias será o entrevistado do Band Eleições, nesta segunda, depois do Jornal da Noite.

·       José Luiz Datena não pretende abandonar totalmente o Brasil Urgente, após a estreia do seu programa dos domingos…

·       … Entre outras razões, porque também não é este o desejo da direção da Band…

·       … Admite, no entanto, que a sua presença se tornará ainda mais esporádica.

·       Um novo humorístico, nos moldes do Sai de Baixo, aparece entre as possibilidades da Globo para os próximos tempos.

·       ‘Na fila das 18 horas da Globo, depois de Orgulho e Paixão, atualmente em cartaz, virá Espelho da Vida

·       … O novo trabalho da autora Elizabeth Jihn tem sua estreia confirmada para setembro…

·       … Dentro desse planejamento, está prevista para abril de 2019 a estreia de Filhos da Terra

·       … Trabalho da dupla Thelma Guedes e Duca Rachid, com Renato Góes fazendo o protagonista. Direção de Amora Mautner.

·       Vitória Strada ficou com o papel que seria de Isis Valverde na novela Espelho da Vida. 

C´est fini

Que ninguém se surpreenda caso o SBT retorne à posição inicial em relação ao caso da Milena Toscano.

Ou seja, sua volta às gravações da novela As Aventuras de Poliana depois de dar à luz, descartando assim substituição por outra atriz.

Tudo deve ser sacramentado nesta semana. Enquanto isso, ela acelera nas gravações.      

 

Então é isso. Mas amanhã tem mais. Tchau!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *