Rússia diz que ataques israelenses na Síria devem ser interrompidos

Arquivado em: Destaque do Dia, Europa, Mundo, Últimas Notícias
Publicado quarta-feira, 23 de janeiro de 2019 as 12:11, por: CdB

Na madrugada da última segunda-feira, Israel lançou bombardeios conta o que chamou de posições iranianas e do governo sírio nos arredores de Damasco e no sul da Síria.

Por Redação, com Sputnik – de Moscou

A representante oficial do Ministério das Relações Exteriores da Rússia, Maria Zakharova, declarou nesta quarta-feira que a prática de ataques aéreos arbitrários por parte de Israel no território da Síria deveria ser interrompida.

Na madrugada da última segunda-feira, Israel lançou bombardeios conta o que chamou de posições iranianas e do governo sírio nos arredores de Damasco

De acordo com a diplomata, a Síria não deveria se tornar uma arena para acerto de contas geopolíticas.

– Não mudamos a nossa posição sobre esta questão, que é baseada nos princípios do direito internacional, e a prática de lançar arbitrariamente ataques militares no território de um Estado soberano, neste caso a Síria, deve ser descartada – disse Zakharova em uma coletiva de imprensa.

– A Síria, que sofreu muito durante os longos anos de conflito armado, não deveria se tornar uma arena para o ajuste de contas geopolíticas – disse ela.

Na madrugada da última segunda-feira, Israel lançou bombardeios conta o que chamou de posições iranianas e do governo sírio nos arredores de Damasco e no sul da Síria.

A agência de notícias oficial da Síria, Sana, informou que a defesa antiaérea conseguiu interceptar e destruir a maioria dos mísseis antes que atingissem seus objetivos.

Em seguida, o representante permanente da Síria nas Nações Unidas disse que Damasco pode responder ao ataque aéreo de Israel que atingiu a capital síria com um ataque ao aeroporto de Tel Aviv.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *