Solskjaer parabeniza Liverpool, mas admite que dói ver rival com taça

Arquivado em: Destaque do Dia, Esportes, Futebol, Últimas Notícias
Publicado sexta-feira, 26 de junho de 2020 as 12:56, por: CdB

O técnico do Manchester United, Ole Gunnar Solskjaer, parabenizou o rival Liverpool por conquistar seu primeiro título da liga inglesa em 30 anos, mas admitiu que sempre dói ver alguém levantar o troféu.

Por Redação, com Reuters – de Londres/Berlim

O técnico do Manchester United, Ole Gunnar Solskjaer, parabenizou o rival Liverpool por conquistar seu primeiro título da liga inglesa em 30 anos, mas admitiu que sempre dói ver alguém levantar o troféu.

Técnico do Manchester United, Ole Gunnar Solskjaer
Técnico do Manchester United, Ole Gunnar Solskjaer

O Liverpool, de Juergen Klopp, garantiu o título da Premier League depois que o segundo colocado Manchester City perdeu por 2 a 1 para o Chelsea na quinta-feira, o que significa que o clube de Merseyside não pode ser alcançado com uma vantagem de 23 pontos sobre o City, a sete jogos do final do campeonato.

– Antes de tudo, qualquer time que vencer uma Premier League merece crédito, é uma liga difícil de vencer – disse Solskjaer em entrevista coletiva virtual nesta sexta-feira. “Bom trabalho de Juergen e seus jogadores.”

– Toda vez que você vê alguém levantar o troféu, dói. Acho que é o sentimento de todos os associados ao Manchester United, jogadores e torcedores. Queremos voltar às vitórias e esse é o nosso desafio.

O Liverpool

O Liverpool tem a oportunidade de começar um novo período de domínio que desfrutou nas décadas de 1970 e 1980.

Mais recentemente, o Manchester United sob o comando do ex-técnico Alex Ferguson conquistou 13 títulos da liga em 20 anos, entre 1993 e 2013, mas Solskjaer acredita que será difícil para a equipe de Klopp imitar esse sucesso em Anfield.

– A série de títulos que conquistamos com Sir Alex, não acho que seja fácil para alguém imitar ou copiar  – disse Solskjaer, que conquistou seis títulos como jogador com Ferguson.

Bayern de Munique

O Bayern de Munique está longe de ter encerrado a temporada depois de garantir seu oitavo título alemão consecutivo, já que a conquista nacional é apenas um “objetivo intermediário” a caminho de mais sucesso, disse o técnico Hansi Flick nesta sexta-feira.

Os bávaros encerram a liga no sábado contra o Wolfsburg e vão levantar o troféu em um estádio vazio devido às medidas de saúde e segurança impostas em meio a pandemia de covid-19.

Mas para Flick, que assumiu o cargo em novembro, há mais conquistas pela frente.

– Ainda há mais a alcançar – disse Flick em uma entrevista coletiva virtual. “Agora podemos chegar a 17 partidas sem derrota desde o início do ano na Bundesliga. Queremos jogar para vencer o Wolfsburg. Temos que lutar e vencer”.

O Bayern também está a cinco gols de igualar o recorde de gols da liga (101) marcados em uma temporada.

– O título da liga é um objetivo intermediário. Sempre tivemos mais gols dentro da equipe e precisamos ser medidos por eles – disse Flick.

O Bayern enfrenta o Bayer Leverkusen na final da Copa da Alemanha em 4 de julho e ainda está na Liga dos Campeões, que será retomada em agosto com jogo de volta das oitavas de final contra o Chelsea.

“Ainda temos mais um jogo (depois de sábado) contra o Leverkusen”, afirmou Flick. “Depois disso, o time pode se desligar. Mas os jogadores não estarão completamente de folga. Temos três semanas para nos prepararmos para a Liga dos Campeões.”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *