Temperaturas abaixo de zero e neve paralisam Europa

Arquivado em: Destaque do Dia, Europa, Mundo, Últimas Notícias
Publicado terça-feira, 27 de fevereiro de 2018 as 14:11, por: CdB

Um sistema climático siberiano que meteorologistas apelidaram de “a besta do leste” provocou as temperaturas mais baixas em anos em várias regiões, e o frio deve continuar durante a maior parte da semana

Por Redação, com Reuters – de Bucareste:

Duas pessoas foram encontradas mortas na Romênia conforme as temperaturas abaixo de zero e a neve em grande parte da Europa levaram ao cancelamento de voos, a interrupções nos transportes rodoviário e ferroviário e ao fechamento de escolas nesta terça-feira.

Pessoas andam em meio a neve em Delnice, na Croácia

Um sistema climático siberiano que meteorologistas apelidaram de “a besta do leste” provocou as temperaturas mais baixas em anos em várias regiões; e o frio deve continuar durante a maior parte da semana.

No sul da Romênia, uma mulher de 83 anos de Adancata foi encontrada caída na neve e morreu a caminho do hospital; comunicou o Instituto para Situações de Emergência. Um homem de 65 anos foi encontrado morto na noite de segunda-feira em Suceava, condado do leste do país; disse uma autoridade à agência estatal de notícias Agerpres.

Via expressa

Partes de uma via expressa que liga a capital Bucareste a Constanta e dezenas de outras estradas foram fechadas. Mais de 80 trens e 15 voos foram cancelados, disse a polícia romena; e os portos do Mar Negro foram fechados.

Uma precipitação de neve recorde de 182 centímetros paralisou Delnice; cidade do norte da Croácia, e serviços de socorro levaram várias horas para retirar os moradores do vilarejo próximo de Mrzle Vodice. As temperaturas chegaram ao recorde de 20 graus Celsius negativos em Zavizan, na montanha Velebit.

As escolas não abriram em Bucareste e em outras localidades do país.

Os telhados de dezenas de casas desabaram sob o peso da neve no cantão de Unsko-Sanski, no noroeste da Bósnia.

A emissora estatal RTCG TV noticiou que o aeroporto Golubovci; o principal de Montenegro, ficou fechado durante várias horas de segunda para terça-feira.

Na segunda-feira, uma rara tempestade de neve em Roma levou as autoridades italianas a pedir ao Exército para ajudar a liberar as ruas.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *