Tite aposta em novidades para amistosos contra Colômbia e Peru 

Arquivado em: Destaque do Dia, Esportes, Futebol, Últimas Notícias
Publicado sexta-feira, 16 de agosto de 2019 as 13:18, por: CdB

O técnico Tite trouxe novidades na lista para os amistosos de setembro contra Colômbia e Peru, nos Estados Unidos.

 Por Redação, com Reuters – do Rio de Janeiro/Madri

Na primeira convocação da seleção brasileira após a conquista da Copa América, o técnico Tite trouxe novidades na lista para os amistosos de setembro contra Colômbia e Peru, nos Estados Unidos, e chamou os goleiros Weverton e Ivan, o lateral Jorge, o zagueiro Samir e o atacante Bruno Henrique.

Tite durante entrevista coletiva na sede da CBF, no Rio de Janeiro

Neymar , que ficou de fora da Copa América por contusão, está de volta à equipe.

Os jogos estão marcados para os dias 6 e 10 de setembro nas cidades de Miami e Los Angeles.

O Brasil há pouco mais de um mês conquistou a Copa América, disputada em casa. Campeões da Copa América, o goleiro Alisson, machucado, e Gabriel Jesus , suspenso, ficaram de fora da lista.

– Conversei com Neymar e (ele) disse que está feliz, normal e bem. Ele disse que emocionalmente está tranquilo e está no aguardo do PSG para o encaminhamento (do seu futuro) – disse Tite. “Um atleta do nível do Neymar eu não vou prescindir nunca”, adicionou.

Veja a lista de convocados

Goleiros: Ederson (Manchester City), Ivan (Ponte Preta) e Weverton (Palmeiras).

Zagueiros: Thiago Silva (Paris St Germain), Marquinhos (Paris St Germain), Éder Militão (Real Madrid) e Samir (Udinese).

Laterais: Daniel Alves (São Paulo), Fagner (Corinthians).

Alex Sandro (Juventus) e Jorge (Santos).

Meio-campistas: Casemiro (Real Madrid), Fabinho (Liverpool), Philippe Coutinho (Barcelona), Allan (Napoli), Lucas Paquetá (Milan) e Arthur (Barcelona).

Atacantes: Neymar (Paris St Germain), Vinícius Jr. (Real Madrid), Roberto Firmino (Liverpool), David Neres (Ajax), Richarlison (Everton) e Bruno Henrique (Flamengo).

Zidane

O técnico do Real Madrid Zinedine Zidane prometeu tratar Gareth Bale como qualquer outro integrante da equipe, apesar de ter declarado sua intenção de vender o atacante do País de Gales, enquanto sua equipe se prepara para começar a nova temporada da La Liga contra o Celta Vigo no sábado.

Zidane teve um relacionamento frio com Bale desde que retornou ao cargo em março, depois de dois gols do atacante que deram a vitória por 3 a 1 sobre o Liverpool na final da Copa dos Campeões de 2018.

O francês usou Bale com moderação nos 11 jogos em que ele treinou a equipe na temporada passada e em julho ele disse que o clube estava tentando vender o jogador, até mesmo afirmando que “a melhor coisa seria se ele fosse embora amanhã”.

Mas em uma coletiva de imprensa antes da viagem a Vigo, Zidane desafiou Bale a conquistar seu lugar na equipe.

– Parecia que ele estava saindo, mas agora ele está aqui e eu vou contar com ele, assim como todos os outros jogadores que estão no time – disse Zidane.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *