Dólar mais caro reduz volume de compras dos brasileiros, no exterior

Embora existam outros fatores, a cotação do dólar foi a principal causa da redução nas despesas dos viajantes. Em 2019, a moeda norte-americana terminou com alta de 3,5%  em um ano de fortes turbulências no mercado de câmbio, que chegou a registrar uma desvalorização do real de quase 10%. No fim de novembro, a cotação do dólar atingiu recorde histórico, fechando a R$ 4,24.

Continue lendo

Discurso heterodoxo de Guedes, em Davos, atribui crise global aos pobres

Com o PIB estacionado à beira da estagnação, desemprego em massa e a maior redução de investimentos públicos, em séculos de História do Brasil, Guedes optou por atribuir aos mais pobres a culpa pela degradação ambiental, em curso no país. Segundo afirmou, “o grande inimigo do meio ambiente é a pobreza” e “as pessoas destroem o meio ambiente porque precisam comer”.

Continue lendo

CNI: massa salarial e emprego na indústria recuam nos últimos meses

Segundo a CNI, o faturamento, o emprego e as horas trabalhadas na produção também tendem a fechar o ano com pequenas quedas na comparação com a média de 2018. O nível de utilização da capacidade instalada da indústria brasileira, contudo, subiu para 78,2% em novembro de 2019, na série dessazonalizada (ajustada para o período).

Continue lendo