Acidente entre ônibus e caminhão deixa mortos em SP

Arquivado em: Brasil, Destaque do Dia, Últimas Notícias
Publicado quarta-feira, 25 de novembro de 2020 as 13:30, por: CdB

Uma colisão entre um ônibus e um caminhão deixou pelo menos 41 pessoas mortas na cidade de Taguaí, interior de São Paulo, informou o Corpo de Bombeiros nesta quarta-feira, acrescentando que 37 morreram no local.

Por Redação, com Reuters e ABr – de São Paulo

Uma colisão entre um ônibus e um caminhão deixou pelo menos 41 pessoas mortas na cidade de Taguaí, interior de São Paulo, informou o Corpo de Bombeiros nesta quarta-feira, acrescentando que 37 morreram no local.

Batida entre ônibus e caminhão aconteceu na Rodovia Alfredo de Oliveira Carvalho, entre Taguaí e Taquarituba (SP)
Batida entre ônibus e caminhão aconteceu na Rodovia Alfredo de Oliveira Carvalho, entre Taguaí e Taquarituba (SP)

De acordo com a Polícia Militar Rodoviária, cerca de 15 pessoas feridas foram levadas a hospitais da região.

“A ocorrência ainda está em andamento. Estamos averiguando se há pessoas presas nas ferragens”, disse à agência inglesa de notícias Reuters um porta-voz da Polícia Militar Rodoviária de São Paulo por telefone.

As circunstâncias do acidente

O acidente aconteceu nas proximidades do quilômetro 171 da rodovia SP-249, na altura da cidade de Taguaí, região centro-sul paulista. As circunstâncias do acidente na rodovia de pista única serão apontadas pela perícia, disse a Polícia Militar Rodoviária.

Imagens na TV mostraram um ônibus completamente destruído e um caminhão com a frente também atingida.

O boletim de ocorrência foi registrado na Polícia Civil da cidade de Taquarituba.

Força-tarefa

O governo de São Paulo montou uma força-tarefa para identificar e liberar os corpos das vítimas da tragédia na Rodovia Alfredo de Oliveira Carvalho (SP 249), em Taguaí. Os institutos médicos-legais (IMLs) das cidades de Avaré, Botucatu e Itapetininga, foram acionados para atender mais rapidamente ao número de mortos no acidente.

Os ocupantes do ônibus eram funcionários de uma empresa têxtil da cidade de Taguaí.

De acordo com as informações do governo estadual, tanto a Polícia Militar quanto a Civil trabalham no atendimento das vítimas, com auxílio do helicóptero Águia, da Base de Campinas, e a perícia no local.

Os hospitais estão pedindo doações de sangue para as vítimas. Para doar é preciso entrar em contato com o Hemocentro de Botucatu pelos números (14) 3811-6041 (ramal 240) ou pelo WhatsApp (14) 99624-7055 e (14) 99631-5650.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *