Agentes das forças de segurança começam a ser vacinados no DF

Arquivado em: Brasil, Destaque do Dia, Últimas Notícias
Publicado segunda-feira, 5 de abril de 2021 as 14:20, por: CdB

Uma nova leva de profissionais começarão a ser vacinados a partir desta segunda-feira no Distrito Federal. Ao todo, 2.237 doses foram reservadas para imunizar servidores das polícias Militar, Civil e Federal, Detran, Corpo de Bombeiros, além de policiais do sistema penitenciário, policiais rodoviários federais que atuam no DF.

Por Redação, com ABr – de Brasília

Uma nova leva de profissionais começarão a ser vacinados a partir desta segunda-feira no Distrito Federal. Ao todo, 2.237 doses foram reservadas para imunizar servidores das polícias Militar, Civil e Federal, Detran, Corpo de Bombeiros, além de policiais do sistema penitenciário, policiais rodoviários federais que atuam no DF e dos órgãos que apoiam o decreto das medidas restritivas do governo do Distrito Federal.

Ao todo, 2.237 doses foram reservadas para imunizar este público

As doses serão distribuídas proporcionalmente de acordo com o efetivo de cada órgão, conforme decidido durante as reuniões envolvendo as secretarias de Segurança Pública e de Saúde, acompanhadas por representantes das corporações que serão atendidas.

“A organização e postos para aplicação das doses serão definidos de acordo com o plano interno de cada órgão e deverá levar em conta critérios como idade e maior exposição ao risco de contágio e transmissão”, informou por meio de nota o Governo do Distrito Federal.

Mais 1 milhão de doses de vacina

O Instituto Butatan entregou nesta segunda-feira mais um milhão de doses da vacina contra o coronavírus ao Programa Nacional de Imunizações (PNI). Com o lote desta manhã, o instituto forneceu um total de 37,2 milhões de doses da vacina CoronaVac, desenvolvida em parceria com o laboratório chinês Sinovac, para serem distribuídas em todo o país.

Até o fim deste mês, o Butantan deve finalizar o primeiro contrato firmado com o Ministério da Saúde para fornecimento de 46 milhões de doses do imunizante. Até o fim de agosto devem ser fornecidas mais 54 milhões de doses ao PNI, totalizando 100 milhões de doses de CoronaVac.

Já foram aplicadas no estado de São Paulo 6,4 milhões de doses de vacina, sendo 1,6 milhão de segunda dose da imunização.