Andy Murray teme perder Aberto da Austrália após desistência em Brisbane

Arquivado em: Destaque do Dia, Esportes, Esportes Olímpicos, Últimas Notícias
Publicado terça-feira, 2 de janeiro de 2018 as 10:56, por: CdB

Murray não disputa uma partida competitiva desde sua derrota nas quartas de final de Wimbledon, em julho passado, e apesar de ter feito uma exibição de um set

Por Redação, com Reuters – de Londres:

Os problemas físicos persistentes do ex-tenista número um do mundo Andy Murray o obrigaram a desistir do ATP 250 de Brisbane, nesta terça-feira, e o britânico admitiu que não tem certeza de que se recuperará a tempo para o Aberto da Austrália no final deste mês.

Os problemas físicos persistentes do ex-tenista número um do mundo Andy Murray o obrigaram a desistir do ATP 250 de Brisbane

Murray não disputa uma partida competitiva desde sua derrota nas quartas de final de Wimbledon, em julho passado, e apesar de ter feito uma exibição de um set em Abu Dhabi na semana passada não conseguiu treinar nesta terça-feira e anunciou sua desistência.

– Estou muito decepcionado por estar me retirando do torneio de Brisbane – disse Murray, segundo cabeça de chave da competição, aos organizadores antes de entrar em detalhes sobre sua condição em uma postagem emotiva em uma rede social.

– Depois que me recomendaram tratar meu quadril moderadamente desde o Aberto dos EUA, fiz tudo que me pediram do ponto de vista da reabilitação e trabalhei extremamente duro para tentar voltar a competir nas quadras – escreveu Murray em sua conta de Instagram.

– Depois de jogar sets de treino aqui em Brisbane com alguns jogadores de primeira; infelizmente isso ainda não funcionou para me deixar no nível que eu gostaria; por isso tenho que reavaliar minhas opções. Continuar a reabilitação é uma opção, e dar mais tempo para meu quadril se recuperar.

Saúde

– Uma cirurgia também é uma opção. Mas as chances de sucesso não são tão altas quanto eu gostaria; o que fez disso minha opção secundária; e minha esperança é evitá-la. Entretanto, isto é algo que posso ter que cogitar. Mas vamos torcer para que não.

O número 16 do ranking disputaria sua primeira partida oficial da temporada na quinta-feira; enfrentando o norte-americano Ryan Harrison na segunda rodada na Arena Pat Rafter; e agora abrirá uma vaga para o alemão Yannick Hanfmann.

Murray, que no domingo disse que pretende diminuir seu calendário em 2018 para evitar a recorrência de seus problemas físicos; continuará em Brisbane pelo resto da semana antes de planejar sua próxima decisão.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *