Antonio Conte e presidente da Juventus trocam insultos na Copa da Itália

Arquivado em: Destaque do Dia, Esportes, Futebol, Últimas Notícias
Publicado quarta-feira, 10 de fevereiro de 2021 as 13:44, por: CdB

O técnico da Inter de Milão, Antonio Conte, e o presidente da Juventus, Andrea Agnelli, trocaram insultos durante o dérbi entre as duas equipes pelas semifinais da Copa da Itália. O duelo terminou sem gols e a Velha Senhora avançou para a decisão do torneio.

Por Redação, com ANSA – de Roma

O técnico da Inter de Milão, Antonio Conte, e o presidente da Juventus, Andrea Agnelli, trocaram insultos durante o dérbi entre as duas equipes pelas semifinais da Copa da Itália. O duelo terminou sem gols e a Velha Senhora avançou para a decisão do torneio.

Conte com o Agnelli durante a semifinal da Copa da Itália em 2013

Tudo teria começado no intervalo do confronto, quando Conte foi flagrado mostrando o dedo do meio para Agnelli enquanto voltava para os vestiários. Diante do gesto, o dirigente não ficou em silêncio e foi filmado xingando o comandante da Internazionale.

Segundo o jornal Gazzetta dello Sport, outros incidentes aconteceram fora do campo e envolveram os diretores da Juventus, Fabio Paratici, e da Inter, Gabriele “Lele” Oriali.

No final do confronto, Conte afirmou em uma entrevista à emissora “Rai” que sofreu diversos insultos ao longo do jogo. Já Agnelli não se manifestou sobre o caso.

Os fãs da Juventus

O episódio envolvendo Conte e Agnelli foi além do gramado e chegou até na torcida. Os fãs da Juventus iniciaram uma petição na plataforma Change.org exigindo que a estrela do ex-jogador fosse retirada do Allianz Stadium.

Assim como a briga entre Ibrahimovic e Lukaku, a confusão envolvendo Conte e Agnelli será investigada pela promotoria da Federação Italiana de Futebol (Figc).

Após ter vencido o jogo de ida em Milão por 2 a 1, a Juventus empatou a segunda partida em 0 a 0 e conseguiu se classificar para a decisão.

Conte fez sucesso na Juve como jogador e treinador. Em mais de 400 jogos pelos bianconeri, o ex-meio-campista anotou 44 gols e conquistou 13 títulos, entre eles cinco Campeonatos Italianos, quatro Supercopas da Itália e uma Champions League. Já do lado de fora dos gramados, o treinador ajudou a Velha Senhora a vencer três ligas e duas Supercopas.