Após erupção, Tonga pode ficar duas semanas sem Internet

Arquivado em: Destaque do Dia, Internet, Tecnologia, Últimas Notícias
Publicado segunda-feira, 17 de janeiro de 2022 as 12:27, por: CdB

De acordo com a Southern Cross Cable, empresa que administra redes de telecomunicações no Oceano Pacífico, um cabo “parece ter sido rompido”. “Podem ser necessárias até duas semanas para o conserto”, acrescentou.

Por Redação, com ANSA – de Nucualofa

O arquipélago de Tonga, pequeno país situado no Pacífico Sul, pode ficar sem Internet por mais duas semanas devido à erupção de um vulcão submarino no último sábado.

Imagem de satélite mostra erupção de vulcão submarino em Tonga

A nação está desconectada do mundo há dois dias, o que dificulta a mensuração dos danos provocados pelas ondas de até 1,2 metro que atingiram seu litoral após a erupção.

De acordo com a Southern Cross Cable, empresa que administra redes de telecomunicações no Oceano Pacífico, um cabo “parece ter sido rompido”. “Podem ser necessárias até duas semanas para o conserto”, acrescentou.

A erupção ocorreu no vulcão submarino Hunga Tonga-Hunga Ha’apai, que fica a 65 quilômetros da capital de Tonga, Nuku’Alofa, e provocou ondas de tsunami por todo o Pacífico, além de ter coberto o arquipélago com uma nuvem de cinzas potencialmente danosa para a saúde.

Extensão dos danos

No entanto, ainda não se sabe exatamente a extensão dos danos provocados pelo fenômeno natural. Os governos de Austrália e Nova Zelândia enviaram aviões de reconhecimento à ilha nesta segunda-feira para avaliar os efeitos da erupção e do tsunami.

Os dois países também deixaram de prontidão aeronaves para o transporte de itens de emergência. O ministro australiano do Desenvolvimento Internacional, Zed Seselja, disse que um pequeno contingente de policiais do país alocado em Tonga fez um balanço inicial “bastante preocupante”.

– Há danos significativos em coisas como estradas e casas. Do lado positivo, acredito que o aeroporto não sofreu danos significativos – declarou. Até o momento, também não há notícias sobre mortos ou feridos.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

code