Arbitragem influi, mas seleção sai apagada no empate entre Brasil e Suíça

Arquivado em: Esportes, Futebol, Últimas Notícias
Publicado domingo, 17 de junho de 2018 as 20:16, por: CdB

A seleção brasileira começou bem, com um gol de Philippe Coutinho, mas ficou por aí. O resultado, no entanto, seria outro caso o juiz da partida, o mexicano Cesar Ramos, tivesse marcado a falta de ataque do meio-campista Zuber, que subiu livre para cabecear e marcar o gol de empate suíço. A reclamação dos brasileiros quanto à falta em Miranda, contudo, não comoveu Ramos a pedir o tira-teima no replay.

Tite não escondia o nervosismo com o ritmo de jogo da seleção
Tite não escondia o nervosismo com o ritmo de jogo da seleção

Embora a seleção de Tite tenha entrado em campo como favorita, o empate decepcionou. O escrete segue invicto há mais de um ano e acumula 17 vitórias em 21 partidas desde a contratação de Tite, em 2016.

Antes, a atual campeã e uma das favoritas na Rússia, a renovada seleção da Alemanha estreou com derrota por 1 a 0 diante do México, pelo Grupo F, em Moscou. O segundo colocado deste grupo, que ainda tem Suécia e Coreia do Sul, pega o primeiro colocado do grupo do Brasil já nas oitavas-de-final.

No primeiro jogo do dia, pelo Grupo E, o mesmo do Brasil, a Sérvia fez 1 a 0 em cima da Costa Rica, na arena de Samara.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *