Argentina presta últimas homenagens aos tripulantes de submarino naufragado há um ano

Arquivado em: América Latina, Destaque do Dia, Mundo, Últimas Notícias
Publicado sábado, 17 de novembro de 2018 as 17:14, por: CdB

O ARA San Juan tinha um suprimento de ar de sete dias quando relatou sua posição pela última vez, em 15 de novembro de 2017.

 

Por Redação – de Buenos Aires

 

A Marinha da Argentina informou neste sábado que uma empresa privada contratada pelo governo localizou o submarino ARA San Juan a cerca de 800 metros abaixo da superfície do oceano, um ano depois de desaparecer, com 44 tripulantes a bordo.

O submarino ARA San Juan foi visto, pela última vez, há exatamente um ano
O submarino ARA San Juan foi visto, pela última vez, há exatamente um ano, quando deixava o sul da Argentina rumo a Mar del Plata

O San Juan tinha um suprimento de ar de sete dias quando relatou sua posição pela última vez, em 15 de novembro de 2017. A tripulação recebeu ordens para retornar a uma base naval em Mar del Plata, na costa leste do país, depois de informar que a água havia entrado no aparelho.

Orçamento

A Ocean Infinity, uma companhia marítima que pode pesquisar e mapear o fundo do mar, foi contratada pela Argentina após o fracasso de uma operação internacional massiva para encontrar a embarcação depois que ela desapareceu no Atlântico Sul.

O San Juan estava a cerca de 430 quilômetros da costa patagônica da Argentina quando enviou seu último sinal.

O desastre estimulou o exame do estado das forças armadas na Argentina, que — após uma série de crises financeiras — tem um dos menores orçamentos de defesa da América Latina em relação ao tamanho de sua economia.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *