Ataque contra academia militar deixa soldados mortos em Cabul

Arquivado em: Destaque do Dia, Mundo, Últimas Notícias
Publicado segunda-feira, 29 de janeiro de 2018 as 10:37, por: CdB

O Estado Islâmico reivindicou responsabilidade pelo ataque perto da academia militar Marshal Fahim; no qual quatro homens armados foram mortos e um foi detido

Por Redação, com Reuters – de Cabul:

Militantes invadiram uma academia militar em Cabul nesta segunda-feira matando 11 soldados, no quarto grande ataque em uma onda de violência que tem abalado o Afeganistão nos últimos nove dias.

Militantes invadiram uma academia militar em Cabul nesta segunda-feira matando 11 soldados

De acordo com o Ministério da Defesa, cinco homens armados atacaram o posto avançado do Exército perto de uma das principais academias militares do país; deixando 11 soldados mortos e 15 feridos, antes de os agressores serem controlados.

O Estado Islâmico reivindicou responsabilidade pelo ataque perto da academia militar Marshal Fahim; no qual quatro homens armados foram mortos e um foi detido.

Atentado

As autoridades afegãs informaram que subiu para 98 o número de vítimas fatais de um atentado terrorista no centro de Cabul, no Afeganistão. Também aumentou para 151 o número de feridos na ação cometida pelo Talebã. Segundo informa a agência afegã de notícias Pajhwok, a explosão teve lugar no bairro diplomático da capital afegã, Wazir Akbar Khan. É onde ficam as embaixadas de vários países, bem como edifícios governamentais. Muitos prédios foram danificados, com as janelas quebradas.

A explosão ocorreu por volta das 12h50 (6h20 em Brasília) em frente à antiga sede do Ministério do Interior. Ali, ainda funcionam alguns órgãos da pasta. O local também fica perto de um dos escritórios do Diretório Nacional de Segurança (NDS), a principal agência de inteligência do país.

O porta-voz da polícia de Cabul, Basir Mujahid, confirmou à agência espanhola de notícias EFE que um suicida; com um carro lotado de explosivos, conseguiu entrar no complexo do ministério.

— Ele detonou o veículo quando foi identificado pelos agentes — disse o porta-voz.

Mártir

O porta-voz dos talebãs, Zabihullah Mujahid, reivindicou o atentado através de uma mensagem divulgada no aplicativo de mensagens Telegram.

— Um mártir com um carro-bomba atingiu o primeiro ponto de controle perto Ministério do Interior — disse.

Mujahid ainda afirmou que havia uma grande concentração de policiais afegãos na área na hora do ataque.

No local também está o hospital público Jamhuriat e os escritórios de algumas organizações não governamentais. A região também tem vários mercados.

Ataques

O atentado ocorre em meio a um crescente número de ataques de extremistas contra alvos civis por parte dos talebãs e do grupo Estado Islâmico (EI) nos últimos dias.

No último fim de semana, 20 pessoas morreram no Hotel Intercontinental de Cabul; durante um ataque realizado por seis terroristas. Eles enfrentaram as forças de segurança por 12 horas.

Na quarta-feira, um ataque do EI contra a sede organização Save the Children em Jalalabad, no Leste do país, provocou a morte de quatro funcionários da organização não governamental, um civil e um membro das forças de segurança que estava no local.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *