Ataque na República Democrática do Congo deixa mortos e feridos

Arquivado em: África, Destaque do Dia, Mundo, Últimas Notícias
Publicado segunda-feira, 8 de outubro de 2018 as 12:27, por: CdB

A ação, feita com armas brancas, aconteceu na cidade de Rubaya, em uma área muito rica em columbita-tantalita, um mineral muito usado, por exemplo, na fabricação de smartphones, câmeras fotográficas e videogames.

Por Redação, com EFE – de Kinshasa

Pelo menos 15 pessoas morreram e outras 16 ficaram feridas domingo à noite na República Democrática (RD) do Congo durante um ataque realizado em uma área de mineração na província de Kivu do Norte, informaram fontes locais nesta segunda-feira.

Ataque na República Democrática do Congo deixa 15 mortos

A ação, feita com armas brancas, aconteceu na cidade de Rubaya, em uma área muito rica em columbita-tantalita, um mineral muito usado, por exemplo, na fabricação de smartphones, câmeras fotográficas e videogames.

De acordo com Selon Joatham Wemeye, representante da Coperama, a cooperativa de mineração artesanal local, a maior parte das vítimas é de mineradores.

– Os criminosos vieram da parte leste de Rubaya. O exército interveio e um dos autores da ação morreu, mas ainda não foi identificado – declarou Wemeye ao site de notícias “Actualité”.

Por telefone, o presidente da sociedade civil de Beni, Gilbert Kambale, disse à agência EFE que são cerca de 20 mortos e que “vários atores podem estar por trás do ataque”, entre eles grupos rebeldes que buscam minerais para seu financiamento, como as Forças Democráticas pela Libertação da Ruanda e o grupo Mai-Mai.

A República Democrática do Congo está há anos mergulhada em um frágil processo de paz. A região nordeste do país, em especial, sofre com um longo conflito alimentado por dezenas de grupos rebeldes, apesar da presença do exército e de soldados da Missão das Nações Unidas na República Democrática do Congo (Monusco).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *