Ativistas de Myanmar cancelam festas de Ano Novo

Arquivado em: Ásia, Destaque do Dia, Mundo, Últimas Notícias
Publicado terça-feira, 13 de abril de 2021 as 12:41, por: CdB

Oponentes do governo militar de Myanmar cancelaram as festividades de Ano Novo nesta terça-feira, e ao invés disso demonstraram sua revolta com os generais que tomaram o poder através de demonstrações contidas de desafio e protestos pequenos por todo o país.

Por Redação, com ANSA – de  Yangon

Oponentes do governo militar de Myanmar cancelaram as festividades de Ano Novo nesta terça-feira, e ao invés disso demonstraram sua revolta com os generais que tomaram o poder através de demonstrações contidas de desafio e protestos pequenos por todo o país.

Mulheres carregam vasos de flores durante protesto contra golpe militar em Myanmar

O Alto Comissariado de Direitos Humanos das Nações Unidas disse que teme que a repressão militar aos protestos desde o golpe de 1º de fevereiro degenere em um conflito civil como aquele visto na Síria e apelou pelo fim do “massacre”.

A Associação de Assistência a Prisioneiros Políticos (AAPP) diz que as forças de segurança já mataram 710 manifestantes desde a deposição do governo eleito de Aung San Suu Kyi, laureada com o Prêmio Nobel da Paz.

Os manifestantes

Os manifestantes voltaram a sair no primeiro dos cinco dias do feriado de Ano Novo, conhecido como Thingyan, normalmente comemorado com orações, limpezas rituais de imagens de Buda em templos e aspersão de água nas ruas.

– Não comemoramos o Thingyan de Myanmar deste ano, já que mais de 700 de nossas bravas almas foram mortas – disse um usuário do Twitter identificado como Shwe Ei.

Mulheres vestidas com trajes finos para o feriado mais importante do ano protestaram em várias cidades pequenas portando vasilhas tradicionais com sete flores e brotos que são exibidos nesta época, mostraram imagens da mídia.

Não surgiram relatos imediatos de violência em nenhum dos protestos, mas a informação se tornou escassa por causa da restrições da junta à Internet de banda larga e aos serviços de dados móveis.