Avião da Força Aérea do Afeganistão cai na fronteira do Uzbequistão

Arquivado em: Destaque do Dia, Mundo, Últimas Notícias
Publicado segunda-feira, 16 de agosto de 2021 as 10:37, por: CdB

Os militantes lançaram uma grande ofensiva em meio à retirada das forças norte-americanas do Afeganistão, tal como estipulado pelo acordo de Doha. Nas últimas duas semanas, os talibãs ocuparam as principais cidades e tomaram o controle das fronteiriças do país.

Por Redação, com Sputnik – de Cabul

Um avião militar afegão, que caiu no domingo, foi abatido pelo sistema de defesa antiaérea do Uzbequistão para impedir a violação da fronteira nacional, enquanto o Afeganistão passa pela transição de poder no país.

Um avião da Força Aérea do Afeganistão caiu na última noite em Surxondaryo, Uzbequistão

O avião da Força Aérea do Afeganistão foi abatido pelo sistema de defesa aérea uzbeque ao tentar violar a fronteira do Uzbequistão, disse à Sputnik o Ministério da Defesa do país.

Uma aeronave militar do Afeganistão caiu na região de Surxondaryo, no Uzbequistão, segundo o portal Gazeta.uz, citando o Ministério da Defesa do país.

“De fato, anteriormente, um avião da Força Aérea do Afeganistão caiu na região de Surxondaryo no Uzbequistão; os detalhes do incidente estão sendo investigados, todos os detalhes sobre isso vão ser reportados posteriormente”, afirmou o Ministério da Defesa do Uzbequistão.

A declaração foi emitida depois de supostas fotos do acidente surgirem nas redes sociais, com pessoas alegando ter encontrado a aeronave próximo da fronteira do Afeganistão, e que ao menos uma pessoa estava ferida no local do incidente.

Um avião da Força Aérea do Afeganistão caiu na noite anterior em Surxondaryo, Uzbequistão, e duas pessoas foram recuperadas feridas do avião. Os feridos foram transferidos para uma unidade médica pelas autoridades do Uzbequistão. Acredita-se que eles estavam tentando escapar do Afeganistão.

Os dois pilotos afegãos que estavam a bordo da aeronave da Força Aérea do Afeganistão sobreviveram e foram transferidos para um hospital no Uzbequistão.

A queda ocorreu em meio à crise no Afeganistão, com o Talebã (organização terrorista proibida na Rússia e em outros países) assumindo o comando do país e provocando a fuga de milhares de pessoas, incluindo do presidente Ashraf Ghani.

Os militantes lançaram uma grande ofensiva em meio à retirada das forças norte-americanas do Afeganistão, tal como estipulado pelo acordo de Doha. Nas últimas duas semanas, os talebãs ocuparam as principais cidades e tomaram o controle das fronteiriças do país.

No domingo, um novo governo de transição foi formado e Cabul também foi tomada pelo Talebã.

Avião afegão foi abatido

“Em 15 de agosto, no distrito de Sherabad da região de Surkhandarya, as forças de defesa aérea da Força Aérea do Uzbequistão impediram uma tentativa de cruzamento ilegal da fronteira do Uzbequistão por um avião militar do Afeganistão”, disse o representante do ministério.

Anteriormente foi revelado que uma aeronave militar do Afeganistão caiu no Uzbequistão e os detalhes do incidente estavam sendo investigados.

Antes disso surgiram supostas fotos do acidente nas redes sociais, com pessoas alegando ter encontrado a aeronave próximo da fronteira do Afeganistão.

O avião militar afegão foi abatido em meio à transição de poder no Afeganistão. No domingo, mídias e fontes informaram que o Talebã (organização terrorista proibida na Rússia e em vários outros países) controlam todas as passagens de fronteira. Mais tarde no mesmo dia, os militantes anunciaram que entraram na capita afegã Cabul e assumiram o controle do palácio presidencial.

O presidente afegão Ashraf Ghani deixou o país, segundo ele, “para evitar um massacre”. Nesta segunda-feira, o porta-voz do gabinete político do movimento Talebã, Mohammed Naim, afirmou que a guerra no Afeganistão acabou e que a forma de governo do Estado será determinada no futuro próximo.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

code