Avião que caiu na Indonésia teve problema de velocidade em voo anterior, diz autoridade

Arquivado em: Ásia, Manchete, Mundo, Últimas Notícias
Publicado terça-feira, 30 de outubro de 2018 as 10:43, por: CdB

Ele disse que o comitê tem uma gravação da conversa entre o piloto do JT610 e a torre de controle em Jacarta antes do acidente.

Por Redação, com Reuters – de Jacarta

O avião Boeing 737 MAX 8 da empresa Lion Air que caiu com 189 pessoas a bordo na segunda-feira teve problemas técnicos em seu voo anterior, incluindo “velocidade de voo não confiável”, disse uma autoridade do comitê nacional de segurança de transporte da Indonésia, nesta terça-feira.

Funcionários de resgate coletam destroços do avião Boeing 737 MAX 8 da empresa Lion Air em Jacarta, Indonésia

– Houve problemas técnicos, um deles foi de fato velocidade de voo não confiável – disse o vice-chefe do comitê, Haryo Satmiko, em entrevista coletiva, referindo-se a problemas com o avião durante voo de Denpasar, em Bali, para Jacarta, no domingo à noite.

– A causa do acidente ainda está sendo investigada e todos nós estamos curiosos para saber o que pode ter causado a queda – disse.

Ele disse que o comitê tem uma gravação da conversa entre o piloto do JT610 e a torre de controle em Jacarta antes do acidente, bem como informações do público, incluindo comentários em mídias sociais.

– Também estamos pedindo informações do último piloto que voou de Denpasar para Jacarta, mas não encontramos o técnico – acrescentou ele, referindo-se ao técnico que vistoriou a aeronave entre os dois voos.