Biden se concentra em combate ao coronavírus enquanto Trump luta para reverter derrota

Arquivado em: América do Norte, Destaque do Dia, Mundo, Últimas Notícias
Publicado quarta-feira, 18 de novembro de 2020 as 13:41, por: CdB

O presidente eleito dos Estados Unidos, Joe Biden, se encontrou com profissionais de saúde da linha de frente do combate ao coronavírus em um evento virtual nesta quarta-feira, enquanto o presidente em fim de mandato, Donald Trump, amplia sua campanha para tentar reverter o resultado da eleição.

Por Redação, com Reuters – de Washington

O presidente eleito dos Estados Unidos, Joe Biden, se encontrou com profissionais de saúde da linha de frente do combate ao coronavírus em um evento virtual nesta quarta-feira, enquanto o presidente em fim de mandato, Donald Trump, amplia sua campanha para tentar reverter o resultado da eleição.

Presidente eleito dos EUA, Joe Biden
Presidente eleito dos EUA, Joe Biden

Trump se recusa a admitir a derrota na eleição de 3 de novembro e tem impedido uma transição suave para o novo governo. Biden prometeu fazer da pandemia, que já matou mais de 247 mil pessoas no país e eliminou milhões de empregos, uma de suas maiores prioridades quanto tomar posse em 20 de janeiro.

Biden e seus principais conselheiros disseram que a postura de Trump pode ameaçar os esforços de contenção dos casos crescentes de covid-19 e inibir o planejamento da distribuição de vacinas.

Este sentimento foi ecoado por três organizações norte-americanas de cuidados de saúde destacadas na terça-feira, quando se dirigiram ao presidente em uma carta aberta exortando-o a compartilhar dados cruciais da covid-19 com a equipe de Biden.

Provedores de cuidados

“Como provedores de cuidados para todos os americanos, vemos o sofrimento que está ocorrendo em nossas comunidades devido à covid-19… é desta perspectiva humana da linha de frente que o exortamos a compartilhar dados e informações cruciais o mais cedo possível”, disse a carta, assinada pelos chefes da Associação Médica Americana, a Associação Americana de Enfermeiros e a Associação Americana de Hospitais.

Enquanto Biden participará da mesa redonda virtual no Delaware, Estado em que reside, Trump voltará a passar um dia sem eventos públicos agendados nesta quarta-feira.

O presidente tem repetido sem provas a afirmação de que é vítima de uma fraude eleitoral generalizada, e sua equipe de campanha apresentou uma série de ações civis em Estados-chave.