Bolsonaro cancela ato público por falta de plateia em Curitiba

Arquivado em: Política, Últimas Notícias
Publicado quinta-feira, 29 de março de 2018 as 16:44, por: CdB

Nenhum dos apoiadores de Bolsonaro compareceu ao local marcado. O ato estava previsto para começar às 10h30.

Por Redação – de Curitiba

O deputado federal e pré-candidato à presidência da República, Jair Bolsonaro (PSL), cancelou o ato que iria realizar na praça Santos Andrade, no Centro de Curitiba, nesta quinta-feira. A reportagem foi publicada no site de notícias local Paraná Portal.

Fotógrafos e repórteres esperavam Bolsonaro no local do ato público, que acabou cancelado
Fotógrafos e repórteres esperavam Bolsonaro no local do ato público, que acabou cancelado

Segundo o site, “nenhum dos apoiadores do político compareceu ao local marcado. O ato estava previsto para começar às 10h30. Às 11h, Bolsonaro passou pelo local. De acordo com a assessoria de imprensa, o evento foi cancelado para evitar conflito com estudantes da Universidade Federal do Paraná (UFPR) que assistiam a uma peça de teatro do Festival de Curitiba, apresentada na praça”.

Na véspera, Bolsonaro foi fotografado em um ato de incitação ao crime. Ele apontava os dedos, como se fossem revólveres, para um boneco do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT). O líder petista foi alvo de atentados a bala, no interior do Estado.

Adesão

Bolsonaro prometia lavar as escadarias da UFPR, onde o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva esteve, na noite passada. O ato encerrou a caravana que fazia pela Região Sul do país.

— A ideia é esta mesmo, lavar a praça que foi usada por Lula, que deveria estar na cadeia e não fazendo caravanas pelo país. Vamos lavar esta sujeira que o PT fez e deixou no Brasil — disse, a jornalistas.

Bolsonaro segue para um almoço no restaurante Madalosso, no bairro Santa Felicidade, em Curitiba. O almoço era por adesão e custava R$ 45 por pessoa. O restaurante, apesar do convite, permanecia vazio.