Bolsonaro testa negativo para coronavírus, segundo dados oficiais

Arquivado em: Brasil, Últimas Notícias
Publicado sexta-feira, 13 de março de 2020 as 13:11, por: CdB

Mais cedo, o colunista do diário popular carioca O Dia Leandro Mazzini divulgou que o primeiro resultado do teste de Bolsonaro testou positivo para o novo coronavírus.

Por Redação – do Rio de Janeiro
Na mensagem em que divulga o resultado negativo no teste para o novo coronavírus, Bolsonaro repete a foto em que deu uma banana para os jornalistas brasileiros
Na mensagem em que divulga o resultado negativo no teste para o novo coronavírus, Bolsonaro repete a foto em que deu uma banana para os jornalistas brasileiros

O Palácio do Planalto informou, nesta sexta-feira, que o exame para detectar a presença do vírus Sars-CoV-2 no presidente Jair Bolsonaro (sem partido), de 64 anos, teve resultado negativo. Bolsonaro fez o exame, na véspera. O teste ocorreu simultaneamente ao do secretário de Comunicação Social do governo, Fábio Wajngarten, que deu positivo para o novo coronavírus.

Mais cedo, o colunista do diário popular carioca O Dia Leandro Mazzini divulgou que o primeiro resultado do teste de Bolsonaro testou positivo para o novo coronavírus e aguardava a contra-prova para confirmar, ou descartar, a síndrome Covid-19, que já matou mais de 6 mil pessoas, na pandemia declarada pela Organização Mundial de Saúde (OMS), na terça-feira.

“O semblante pálido e abatido – com olhos um pouco marejados – no pronunciamento em rede nacional de TV nesta quinta-feira à noite – logo após ele fazer uma live na página do Facebook com máscara – foi o prenúncio de uma sexta-feira 13 sem precedentes na suíte presidencial: seu positivo o primeiro teste para constatar infecção por coronavírus no presidente da República Jair Bolsonaro”, escreveu Mazzini.

Manifestações

Ainda segundo o colunista, havia “tensão no ar. A despeito de passar tranquilidade na TV, e pedir ao povo para evitar as ruas (um claro cancelamento da convocação das manifestações pró-governo de domingo), Bolsonaro não esconde as evidências dos cuidados com a saúde”.

A comitiva presidencial que viajou com Bolsonaro aos Estados Unidos está sendo monitorada, o que inclui a primeira-dama, Michelle Bolsonaro, ministros e parlamentares, entre eles o deputado Eduardo Bolsonaro, que confirmou o contágio, em entrevista a um canal norte-americano de notícias.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

code