Botafogo e São Paulo trocam jogadores

Arquivado em: Arquivo CDB
Publicado sexta-feira, 11 de abril de 2003 as 12:31, por: CdB

O volante Carlos Alberto finalmente acertou sua transferência para o São Paulo. Nesta quinta-feira, os dirigentes do Tricolor e do Botafogo chegaram a um acordo e o jogador fechou um contrato por três anos. Em troca, o clube carioca vai receber cerca de R$ 300 mil mais o atacante Dill, emprestado até o final do ano.

A negociação é considerada ótima pelos dirigentes de ambos os times. Para o São Paulo por poder contar com um jogador pedido pela comissão técnica para uma posição carente (primeiro volante). Já para o Alvinegro, é bom contar com mais um atacante no elenco, reduzido devido à dificuldade financeira que passa. O salário de Dill (cerca de R$ 60 mil) continuará sendo pago pelo Tricolor.

– Eu acredito que amanhã (sexta) ele deve estar indo para o São Paulo para acertar os detalhes – afirma Santiago Gerardo, procurador do novo volante são-paulino.

Por enquanto, Carlos Alberto ainda não tem data definida para se apresentar – pode até mesmo acontecer hoje, no CCT da Barra Funda.

Ao contrário de Lugano, o volante chega com o aval do técnico Oswaldo de Oliveira. Ele é mais um candidato a ocupar o lugar do chileno Maldonado. Carlos Alberto vai brigar pela posição com Fábio Simplício e Adriano (outro reforço, contratado da Portuguesa santista).

De saída, Dill vibrou com a negociação. Encostado no Tricolor há um ano, ele teve poucas chances no time desde que se recuperou de uma lesão que o obrigou, inclusive, a fazer uma cirurgia.

– Vou fazer o máximo para agradar. Tive um grande momento no Goiás e tenho esperança de mostrar todo aquele futebol de novo – declarou, assim que soube que o sua contratação estava fechada. O jogador disse ainda que faltavam alguns detalhes, ao contrário do Tricolor.

– Mas nada que deva atrapalhar – completou Dill.