Brasil derrota Coreia do Sul e volta a vencer após cinco jogos

Arquivado em: Destaque do Dia, Esportes, Futebol, Últimas Notícias
Publicado terça-feira, 19 de novembro de 2019 as 13:39, por: CdB

O Brasil voltou a vencer após uma sequência de cinco jogos sem ganhar, ao derrotar a Coreia do Sul por 3 a 0, nesta terça-feira.

Por Redação, com Reuters – de Seul/Madri

O Brasil voltou a vencer após uma sequência de cinco jogos sem ganhar, ao derrotar a Coreia do Sul por 3 a 0, nesta terça-feira, com Philippe Coutinho brilhando em sua volta à equipe titular.

Philippe Coutinho leva falta de Hee-Chan Hwang durante amistoso Brasil e Coreia do Sul
Philippe Coutinho leva falta de Hee-Chan Hwang durante amistoso Brasil e Coreia do Sul

Diante de uma arquibancada com muitos espaços vazios em Abu Dhabi, Lucas Paquetá colocou o Brasil na frente aos 9 minutos, completando de cabeça após um excelente trabalho pela esquerda de Coutinho e Renan Lodi.

Gol

Coutinho, que voltou ao time titular depois de algumas partidas no banco, fez 2 a 0 aos 36 minutos, em excelente cobrança de falta, e Danilo marcou seu primeiro gol pela seleção aos 15 minutos da etapa final, com um chute certeiro de fora da área.

A partida prolongou o momento ruim da Coreia do Sul, que agora está há três jogos sem fazer gols.

Pelo lado do Brasil, foi o último amistoso no ano e encerrou a preparação da equipe para as eliminatórias da Copa do Mundo de 2022, que começam em março do próximo ano.

Seleção da Espanha

Luis Enrique voltou a ser o técnico da Espanha, após ter renunciado ao cargo em junho para acompanhar a luta de sua falecida filha contra um câncer, informou o presidente da Federação Espanhola de Futebol (RFEF), Luis Rubiales, nesta terça-feira.

Rubiales disse que Robert Moreno, ex-técnico assistente que comandou a seleção durante as eliminatórias para a Euro 2020 após a saída de Luis Enrique, queria deixar o posto para que ele retornasse.

A filha de Luis Enrique, Xana, morreu em setembro.

– Hoje podemos confirmar que Luis Enrique volta ao seu papel de técnico – disse Rubiales em uma coletiva de imprensa. “Todos sabiam que, se Luis Enrique quisesse voltar, teria as portas da seleção abertas para ele”.

Moreno, que levou o time a sete vitórias e dois empates que garantiram uma classificação espanhola tranquila para o torneio do próximo ano, havia dito ao ser indicado que sairia se Luis Enrique quisesse voltar.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *