Brasil garante três vagas no Pré-Olímpico de Saltos Ornamentais

Arquivado em: Destaque do Dia, Esportes, Esportes Olímpicos, Últimas Notícias
Publicado segunda-feira, 3 de maio de 2021 as 12:50, por: CdB

A semana começou ótima para os atletas Isaac Souza, Kawan Pereira e Luana Lira que asseguraram presença nos Jogos de Tóquio. O trio se classificou nesta segunda-feira na Copa do Mundos de Saltos Ornamentais, evento Pré-Olímpico, que ocorre na capital japonesa desde a última sexta.

Por Redação, com ABr – de Tóquio

A semana começou ótima para os atletas Isaac Souza, Kawan Pereira e Luana Lira que asseguraram presença nos Jogos de Tóquio. O trio se classificou nesta segunda-feira na Copa do Mundos de Saltos Ornamentais, evento Pré-Olímpico, que ocorre na capital japonesa desde a última sexta.

Copa do Mundo da modalidade prossegue

Agora o país já soma 212 vagas confirmadas para os Jogos. A competição prossegue até quarta-feira, com transmissão ao vivo no canal da Fina (Federação Internacional de Natação) no Youtube. 

A primeira a carimbar o passaporte rumo a Tóquio foi Luana Lira na prova de trampolim de 3 metros. A atleta chegou à semifinal e encerrou a participação em 18º lugar, os 18 primeiros colocados asseguravam a classificação a Tóquio. Outra brasileira que disputou a prova no trampolim foi Anna Lucia dos Santos, que parou nas eliminatórias, na 42ª posição.

– Estou classificada para os Jogos Olímpicos. É uma felicidade enorme. Não tenho nem palavras o quão grandioso é isso. Quero agradecer a todos que estão torcendo por mim tanto aqui, quanto no Brasil. Não acreditava tanto nessa vaga, mas hoje cheguei à piscina confiante. Estou muito feliz – comemorou Luana Lira, em depoimento ao site da Confederação Brasileiras de Desportos Aquáticos (CBDA).

Os outros classificados

Os outros dois classificados foram na plataforma: Kawan Pereira e Isaac Souza concluíram a fase eliminatória no quarto e oitavo lugares, respectivamente. Nas semifinais, Kawan avançou à final que ocorrerá nesta terça-feira e Isaac ficou terminou em 18º lugar.

– A gente vem treinando para isso. Confesso que estava um pouco nervoso, mas mantive minha cabeça no lugar e consegui desempenhar aquilo que fiz no treino. Ainda não estou acreditando que estou classificado para os Jogos Olímpicos. É uma alegria imensa – disse Kawan, emocionado..

Quem também comemorou muito foi Isaac, bronze nos Jogos Pan-Americanos de Lima (Peru), em 2019 .

– Sei que posso melhorar um pouco, mas, mesmo assim, consegui minha vaga olímpica o que é motivo de muita alegria e felicidade. Daqui dois meses, estarei de volta à essa piscina onde espero ser bem feliz. Estou muito feliz. Sou muito grato a Deus e a todos que estão me ajudando neste sonho – completou Isaac.

Para assegurar vaga olímpica, os brasileiros precisam ficar entre os 18 primeiros colocados na disputa individual e, na sincronizada, estar nas três primeiras posições ao final da competição.