Caminhoneiros brasileiros fecham fronteira com o Uruguai

Arquivado em: Arquivo CDB
Publicado sexta-feira, 19 de abril de 2002 as 16:03, por: CdB

Cerca de 200 caminhoneiros brasileiros fecharam a fronteira do Rio Grande do Sul com o Uruguai, na rodovia BR-471, na cidade de Chuí, em protesto contra uma vistoria especial que está sendo exigida pelo país vizinho. O número de caminhoneiros aumentou durante a madrugada nesta sexta-feira, segundo informações dos postos de fronteira.

O sindicato dos Transportadores afirmou que a medida do Ministério dos Transportes do Uruguai contraria um acordo do Mercosul que autoriza o tráfego das carretas em qualquer parte com os documentos obtidos no país de origem. O movimento poderá se expandir para os municípios de Jaguarão e Santana do Livramento, alertou o sindicato.

O protesto retém, desde quinta-feira, mais de R$ 5 milhões em mercadorias no município do Chuí. A maior parte dos veículos barrados ao tentar entrar ou deixar o Brasil é estrangeira. Os condutores são obrigados a estacionar em um antigo posto de combustíveis às margens da rodovia, próximo à alfândega brasileira. Muitos caminhões carregam produtos perecíveis e cargas perigosas e há uma promessa de liberação.