Casa de câmbio norte-americana entrega usuários de criptomoedas à Receita Federal

Arquivado em: Comércio, Indústria, Negócios, Serviços, Últimas Notícias
Publicado domingo, 25 de fevereiro de 2018 as 15:05, por: CdB

As autoridades norte-americanas suspeitam que alguns usuários não tenham pagado impostos sobre transações com criptomoedas no montante de, pelo menos, 20 mil dólares (R$ 66 mil).

 

Por Redação, com Sputniknews – de Nova York, NY-EUA

 

Uma das maiores casas de câmbio de criptomoedas, a Coinbase, entregará os dados de 13 mil de seus usuários ao serviço de impostos dos Estados Unidos (IRS, na sigla em inglês). O fato causou reação entre os investidores.

Quase 120 mil unidades de bitcoins, avaliadas em cerca de US$ 72 milhões, foram roubadas da plataforma de câmbio Bitfinex em Hong Kong
Usuários de criptomoedas não gostam de declarar o movimento neste mercado à Receita Federal

Em 23 de fevereiro, a empresa enviou um aviso oficial a seus clientes. A Coinbase informou que forneceria seus nomes, datas de nascimento, endereços e registros históricos de transações na bolsa de 2013-2015 ao IRS e apelou aos usuários para buscarem aconselhamento jurídico “se tiverem dúvidas”, informou o portal Cointelegraph.

Sonegação

As autoridades norte-americanas suspeitam que alguns usuários não tenham pagado impostos. Não declararam transações com criptomoedas no montante de, pelo menos, 20 mil dólares (R$ 66 mil). O IRS pediu que a Coinbase entregasse informações sobre mais de 500 mil usuários; na tentativa de capturar aqueles que sonegam seus impostos. No entanto, em novembro de 2017, uma ordem judicial reduziu este número para menos de 15 mil pessoas.

Em 13 de fevereiro, a empresa financeira Credit Karma divulgou dados; mostrando que apenas 0,04% de seus clientes declararam criptomoedas, até o momento, nesta temporada de impostos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *