Colômbia relata infecções pela variante brasileira da covid-19

Arquivado em: América Latina, Destaque do Dia, Mundo, Últimas Notícias
Publicado segunda-feira, 1 de fevereiro de 2021 as 11:34, por: CdB

Dois cidadãos da cidade colombiana de Leticia, capital da província do Amazonas, foram infectados com a variante brasileira do coronavírus, informou o Instituto Nacional de Saúde (INS) colombiano.

Por Redação, com Reuters – de Bogotá

Dois cidadãos da cidade colombiana de Leticia, capital da província do Amazonas, foram infectados com a variante brasileira do coronavírus, informou o Instituto Nacional de Saúde (INS) colombiano no domingo.

Pessoas com máscaras de proteção caminham em Bogotá, na Colômbia

“O Instituto Nacional de Saúde confirmou na tarde de ontem infecções em um homem e uma mulher, ambos de nacionalidade colombiana, da linhagem brasileira P1”, disse o INS em um comunicado.

A mulher de 39 anos é moradora de Leticia. Ela apresentou sintomas no dia 10 de janeiro e foi diagnosticada com o coronavírus cinco dias depois, informou o INS.

O segundo caso confirmado foi de um indígena de 79 anos que foi hospitalizado em 7 de janeiro com uma infecção respiratória aguda causada pela covid-19, acrescentou o comunicado.

Manaus

Manaus, no Estado brasileiro do Amazonas que faz fronteira com o sul da Colômbia, está sofrendo com uma segunda onda brutal de casos de covid-19 impulsionada pela nova variante brasileira.

Devido aos temores de transmissibilidade da variante brasileira, a Colômbia ordenou a suspensão dos voos de passageiros de e para o Brasil durante um mês, e os voos domésticos de e para Leticia durante duas semanas.

A Colômbia já registrou pouco menos de 2,1 milhões de infecções de coronavírus e 53.983 mortes de covid-19, a doença causada pelo vírus.