Confiança dos empresários de serviços recua, indica FGV

Arquivado em: Negócios, Últimas Notícias
Publicado quarta-feira, 30 de outubro de 2019 as 12:58, por: CdB

A queda da confiança atingiu empresários de oito das 13 principais atividades pesquisadas pela Fundação Getlio Vargas.

Por Redação, com ABr – de Brasília

O Índice de Confiança de Serviços, medido pela Fundação Getulio Vargas (FGV), caiu 0,4 ponto na passagem de setembro para outubro e chegou a 93,6 pontos, em uma escala de zero a 200 pontos. A queda veio depois da alta de 1,7 ponto no mês anterior.

A queda da confiança atingiu empresários de oito das 13 principais atividades pesquisadas pela Fundação Getlio Vargas.
A queda da confiança atingiu empresários de oito das 13 principais atividades pesquisadas pela Fundação Getulio Vargas.

A queda da confiança atingiu empresários de oito das 13 principais atividades pesquisadas pela Fundação Getulio Vargas.

O recuo do indicador foi provocado pela queda da confiança no futuro, medida pelo Índice de Expectativas (IE-S), que caiu 3,6 pontos em outubro e chegou a 94,6 pontos, menor nível desde maio deste ano (92).

Já o Índice de Situação Atual, que mede a confiança no momento presente, subiu 2,8 pontos, para 92,7 pontos.

O Nível de Utilização da Capacidade Instalada do setor de serviços avançou 1,3 ponto percentual em outubro, para 82%, e interrompeu a sequência de queda dos três meses anteriores.

Recuo em em agosto

O volume de serviços no Brasil voltou a recuar em agosto pressionado pelo setor de transportes, no ritmo mais fraco para o mês em dois anos e destacando a dificuldade de recuperação do setor.

No mês, o setor de serviços apresentou recuo de 0,2% na comparação com julho, de acordo com os dados divulgados pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) no inicio deste mês.

Esse foi o quinto resultado negativo no ano na comparação mensal, e o mais fraco para o mês de agosto desde 2017, quando houve queda de 0,8%.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *