Conservadorismo do técnico do Barcelona é criticado após ‘fracasso histórico’

Arquivado em: Destaque do Dia, Esportes, Futebol, Últimas Notícias
Publicado quarta-feira, 11 de abril de 2018 as 13:44, por: CdB

O Barça derrotou o Manchester United na final da Liga dos Campeões de 2009 no estádio Olímpico, mas o lugar agora será lembrado como o cenário de uma de suas maiores humilhações

Por Redação, com Reuters – de Barcelona/Belgrado:

O conservadorismo do técnico do Barcelona, Ernesto Valverde, foi citado pela mídia espanhola como principal motivo para sua derrota por 3 a 0 para a Roma na terça-feira, que levou a uma chocante eliminação nas quartas de final da Liga dos Campeões, vista como “um fracasso histórico”.

O conservadorismo do técnico do Barcelona, Ernesto Valverde, foi citado pela mídia espanhola

O Barça derrotou o Manchester United na final da Liga dos Campeões de 2009 no estádio Olímpico; mas o lugar agora será lembrado como o cenário de uma de suas maiores humilhações; depois de perder sua vantagem de 4 a 1 do jogo de ida.

Valverde também foi criticado por sua incapacidade de reagir ao domínio da Roma; depois que o time italiano assumiu uma liderança inicial com Edin Dzeko; antes de o pênalti de Daniele de Rossi e do gol de cabeça de Kostas Manolas garantirem a vitória aos italianos.

– O conservadorismo de Valverde teve seu preço – disse o jornal Marca; criticando o técnico por não fazer uma rotação da equipe nos jogos da liga local; apesar de praticamente já ter conquistado o título do Campeonato Espanhol, deixando seus jogadores sobrecarregados.

– Por tentar evitar perder a liga quando ela já estava praticamente ganha; ele esgotou seus jogadores. A falta de vigor era evidente e não apenas naquela noite; você podia ver isso chegando – acrescentou o jornal.

Zagueiro sérvio Nastasic

Matija Nastasic, zagueiro da seleção da Sérvia, ficará semanas sem jogar por culpa de uma lesão no joelho e é dúvida para a Copa do Mundo da Rússia; que será disputada entre 14 de julho e 15 de julho.

– Ficarei afastado durante várias semanas depois de lesionar os ligamentos do joelho; mas não sei por quanto tempo ou se me recuperarei a tempo da Copa do Mundo – disse o jogador de 25 anos ao site B92 (www.b92.net) de Belgrado nesta quarta-feira.

Nastasic, que joga pelo alemão Schalke 04, não especificou quando ou como se contundiu. Ele foi substituído nos momentos finais da derrota de 3 a 2 de seu time para o Hamburgo no sábado.

Sua ausência seria um golpe duro nas esperanças sérvias de chegar à segunda fase do Mundial; já que o técnico Mladen Krstajic está carente de opções de qualidade na defesa.

A Sérvia, que se classificou para seu primeiro grande torneio desde a Copa de 2010; está no Grupo E ao lado de Brasil, Suíça e Costa Rica.

O time inicia sua campanha diante dos costarriquenhos no dia 17 de junho em Samara; enfrenta os suíços em Kaliningrado em 22 de junho e encara os brasileiros em Moscou cinco dias depois.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *