Copom reduz taxa de juros ao menor patamar da série histórica

Arquivado em: Comércio, Indústria, Negócios, Serviços, Últimas Notícias
Publicado quarta-feira, 18 de março de 2020 as 18:21, por: CdB

A decisão do Copom leva o juro básico recuou ao menor patamar desde 1999, quando entrou em vigor o regime de metas para a inflação, no país. A decisão do BC, em meio à pandemia do coronavírus, segue o exemplo de outros bancos centrais do mundo, a exemplo do Federal Reserve (BC norte-americano) e o Banco da Inglaterra.

Por Redação – de Brasília

O Comitê de Política Monetária do Banco Central (Copom) reduziu a taxa básica de juros da economia brasileira (Selic) de 4,25% para 3,75% ao ano. A decisão, tomada na tarde desta quarta-feira, foi unânime.

Presidente do BC, Campos Neto prevê a queda dos juros, ainda este ano
Presidente do BC, Campos Neto integra o Copom

A decisão do Copom leva o juro básico recuou ao menor patamar desde 1999, quando entrou em vigor o regime de metas para a inflação, no país. A decisão do BC, em meio à pandemia do coronavírus, segue o exemplo de outros bancos centrais do mundo, a exemplo do Federal Reserve (BC norte-americano) e o Banco da Inglaterra.

Próximos passos

“O Copom entende que a atual conjuntura prescreve cautela na condução da política monetária, e neste momento vê como adequada a manutenção da taxa Selic em seu novo patamar. No entanto, o Comitê reconhece que se elevou a variância do seu balanço de riscos e novas informações sobre a conjuntura econômica serão essenciais para definir seus próximos passos”, diz a nota do conselho.

“O Banco Central do Brasil ressalta que continuará fazendo uso de todo o seu arsenal de medidas de políticas monetária, cambial e de estabilidade financeira no enfrentamento da crise atual”, conclui.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *